JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 17 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

PMU repassa ao Ipserv menos da metade da contribuição patronal

As pendências já somam R$3,2 milhões de maio a agosto, conforme números apresentados em reunião ordinária do conselho administrativo do Ipserv

20/10/2019 - 00:00:00.

Com certidão de regularidade previdenciária renovada até dezembro, Prefeitura tem repassado ao Ipserv menos da metade do valor mensal previsto da contribuição patronal nos últimos meses. As pendências já somam R$3,2 milhões de maio a agosto, conforme números apresentados em reunião ordinária do conselho administrativo do Ipserv.

Pelos dados divulgados, a Prefeitura está repassando apenas cerca de 40% do total programado da cota patronal. A contribuição referente ao mês de maio era da ordem de R$1.301.538,21, mas apenas R$488.630,08 foram pagos. A transferência relativa a junho deveria ser no valor de R$1.286.613,95, porém só R$495.575,59 foram depositados. Já o repasse referente a julho seria de R$1.314.547,65 e somente R$506.187,94 foram efetivamente transferidos. A cota patronal de agosto era da ordem de R$1.300.559,10, mas apenas R$496.803,72 chegaram aos cofres do instituto.

O município vem atrasando as contribuições patronais desde 2015 e recorrendo consecutivamente à renegociação dos débitos para renovação do CRP nos últimos anos. O documento é necessário para celebrar contratos com a União e empréstimos por instituições financeiras federais. Para regularizar a situação, são feitos parcelamentos para quitar as pendências com o instituto em longo prazo. 

O relatório do Conselho Administrativo do Ipserv também informa que ainda existem outras pendências da parte da Prefeitura em relação aos parcelamentos de débitos anteriores. Por outro lado, a Prefeitura está em dia com o repasse dos valores descontados em folha dos servidores de maio a agosto.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia