JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 15 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Bolsa Família já liberou quase R$ 7,5 milhões para Uberaba

Os dados constam no Portal da Transparência. Foram beneficiadas com os recursos 5.780 famílias

22/09/2019 - 00:00:00. - Por Marconi Lima Última atualização: 22/09/2019 - 17:34:59.

Nos primeiros oito meses do ano, o Governo Federal liberou R$7.465.134,00 para o pagamento do Bolsa Família em Uberaba. Os dados constam no Portal da Transparência. Foram beneficiadas com os recursos 5.780 famílias. 

Em agosto, as liberações somaram R$956.138,00, um montante acima do que o liberado em julho, que foi R$953.920,00. Ainda conforme os dados do Portal da Transparência, o mês em que ocorreu o maior volume de pagamentos foi maio, com R$997.671.

Para uma família ter direito a receber o Bolsa Família, ela deve preencher uma série de requisitos previstos em lei. Têm direito as famílias com renda até R$85 por pessoa, por mês. Ou famílias com renda até R$170 por pessoa, que possuam em sua composição gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças de 0 a 12 anos e adolescentes de até 15 anos.​ E famílias com renda de zero até R$170 por pessoa, que possuam em sua composição adolescentes de 16 e 17 anos.

Já o Benefício de Prestação Continuada (BPC) teve recursos de R$44.877.099,33 liberados em Uberaba, nos primeiros sete meses do ano (agosto ainda não foi contabilizado), para 6.683 beneficiados. Em julho, foram R$6.367.244,59, montante pouco menor do que em junho, quando as liberações somaram R$6.394.190.99. 

O BPC é um benefício de renda no valor de um salário mínimo para pessoas com deficiência, de qualquer idade, ou para idosos com idade de 65 anos ou mais, que apresentam impedimentos de longo prazo, de natureza física, mental, intelectual ou sensorial e que, por isso, têm dificuldades para a participação e interação plena na sociedade. Para a concessão deste benefício, é exigido que a renda familiar mensal seja de até ¼ de salário mínimo por pessoa.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia