JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 12 de abril de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Volta às aulas nas escolas estaduais será remota com transmissão da TV Câmara a partir do dia 8

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

03/03/2021 - 12:37:51. - Por Luiz Henrique Cruvinel Última atualização: 03/03/2021 - 15:17:27.

A volta às aulas no ensino público e privado ainda gera discussões e avaliações. Recentemente, o diretor do Sindicato dos Professores das Escolas Particulares de MG (Sinpro) esteve em sessão plenária para pedir auxílio aos vereadores contra a volta das aulas presenciais. No sistema público, apesar de não certa a volta de forma presencial, as aulas remotas estão garantidas no início deste semestre, no dia 8 de março. 

Em entrevista à Rádio JM na manhã desta quarta-feira, 3, a superintendente regional de Ensino, Vânia Célia, confirmou a organização estadual para início das aulas no dia 8, com apoio da TV Câmara em Uberaba.

“Vamos iniciar as aulas agora dia 8, já estamos fazendo o contato com o pessoal designado e começaremos no dia certo. Nossa desigualdade não está no ensino, mas na condição do nosso estudante. Na escola particular você não trabalha obrigatoriamente com a questão social, e as nossas sim. Por isso, precisamos sempre do apoio da TV Câmara, que nos ajudou ano passado e vamos continuar. Talvez o aluno não tenha internet, mas tenha televisão. É importante”, declarou a superintendente.

Sobre a questão da dificuldade de acesso de boa parte dos alunos aos recursos virtuais, Vânia revelou que o Estado planeja ampliar ainda mais a opção por horário integral, para manter o aluno na escola com tecnologia e informações disponíveis por mais tempo. Essa seria uma das formas de diminuir a desigualdade de alunos que têm condição para os que não têm.

“O Estado está oferecendo o ensino integral, mas não tem demanda. Os alunos não estão procurando. Temos procurado dialogar com os pais porque o que encontramos é a situação dos filhos mandarem dentro de casa. Precisa dessa conscientização da nossa comunidade, dos pais, para que os filhos fiquem em horário integral. Oferecemos desde o quarto ano até o ensino médio. A criança fica na escola o dia inteiro, tem contato com tecnologia melhor, informação melhor, mas os filhos e os pais não querem. Todas nossas escolas vêm tentando ter laboratórios bem equipados, estamos fazendo uma alimentação balanceada para os alunos e preparando tudo corretamente”, finaliza a superintendente.


Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia