JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 21 de setembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Casos suspeitos de Covid-19 em Uberlândia saltam de 54 para 928 em 24h

14/09/2020 - 11:49:49. Última atualização: 14/09/2020 - 13:49:40.


Foto/Reprodução/Instagram

Um perfil do Instagram divulga semanalmente festas clandestinas e aglomerações na cidade Uberlândia

A cidade de Uberlândia - a cerca de 108 KM de Uberaba - registrou um salto no número de casos suspeitos de Covid-19, neste final de semana. No sábado (12), o município registrou 54 casos suspeitos e no domingo (13), o número aumentou 17x, alcançando 928.

Os dados são do Boletim Municipal Diário, que é divulgado pela Prefeitura de Uberlândia. Ainda conforme o documento, no sábado a cidade tinha 23.791 casos e 475 óbitos confirmados. No domingo, nenhum caso foi confirmado, mas outros três óbitos entraram na lista.

O número casos suspeitos da Covid-19 em Uberlândia teve um salto de 1.618%, segundo boletim divulgado pela Prefeitura neste domingo (13). São 928 pessoas que aguardam resultados de exames, enquanto que no sábado (12) esse número era de 54 pessoas.

Com os novos óbitos, desde o início da pandemia, já morreram 478 pessoas em Uberlândia. 

Consta ainda no boletim que 86% dos leitos de UTI destinados ao tratamento de pacientes com coronavírus do sistema público municipal estão ocupados. Ainda segundo a Prefeitura, 87% das UTIs totais também estão ocupadas.

Em entrevista ao Jornal Diário de Uberlândia, o infectologista e professor Marcelo Simão Ferreira, membro do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, também reforçou que os indicadores de isolamento estão bem abaixo da meta. “A condição ideal para que tenhamos um controle da doença é que o índice seja de pelo menos 50%. O que temos ainda é muito insuficiente. A população não tem respeitado o isolamento, não se conscientizou sobre a importância do uso de máscaras e segue realizando festas e aglomerações”, afirmou.

Na última semana, uma nova fase do programa estadual Minas Consciente foi anunciada. Com ela, a macrorregião Triângulo do Norte, que inclui Uberlândia, regrediu para a onda vermelha, pois apresentou aumento no número de casos. Contudo, Uberlândia vai permanecer na onda amarela, pois a Prefeitura entrou com uma ação judicial contra o programa Minas Consciente. A decisão liminar foi divulgada na noite desta sexta-feira (11).

Leia também: Triângulo Sul é liberado para avançar para a onda verde do Minas Consciente

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia