JM Online

Jornal da Manhã 50 anos

Uberaba, 19 de agosto de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Paiva SENTINELA 01/06/2022



Aposentado chama a polícia para prender a esposa por envolvimento com jogo do bicho

Aposentado manda prender a esposa
Aposentado de 78 anos, alegando não aguentar os gastos da esposa, uma também aposentada, de 77, acionou a Polícia Militar na rua Bruno Martinelli, Conjunto Silvério Cartafina, às 20h50 de ontem. Ele afirma que todos os gastos de sua mulher são com jogo de bicho. Na presença da PM, o aposentado se deslocou ao interior de sua residência e trouxe uma máquina de cartão de crédito/débito, blocos de anotações contendo jogos do bicho, cinco folhas destacadas contendo jogos de bicho, 68 comprovantes de jogos diversos de bicho e mais três cadernos contendo toda a contabilidade usada no controle do jogo do bicho. Ele entregou aos policiais e garantiu que era tudo da esposa. A aposentada, com toda sua simplicidade, explicou que já tem aproximadamente três anos que vem fazendo apostas no jogo do bicho e que a sua banca é pertencente a uma pessoa conhecida pelo apelido de “Caburé”. Diante das provas e até mesmo da confissão, e por se tratar de contravenção penal, policiais militares não tiveram outra alternativa a não ser a de da voz de prisão em flagrante à senhorinha. Também como determina a lei, por se tratar de crime de menor potencial ofensivo, ela assinou TCO e foi liberada. Agora ela vai esperar uma intimação para comparecer ao Juizado Especial Criminal.

Acusada de latrocínio em liberdade
Dos dois acusados de roubar e matar a médica Delma Saud Salles, 81 anos, somente o homem, de 42, foi autuado em flagrante no crime de latrocínio e encaminhado à Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira, em Uberaba. Ele agora está à disposição do Poder Judiciário. A mulher, de 40 anos, que negava sua participação, foi ouvida e liberada. Mas nem de longe significa que está livre. Significa que a autoridade policial no plantão da Polícia Civil não encontrou elementos suficientes para a prisão em flagrante. Ela vai ser investigada e, ficando caracterizada sua participação no brutal latrocínio, pode ser presa por ordem da Justiça. Logo, é muito cedo para comemorações. A mulher responde a 5 inquéritos na Polícia Civil e tem passagens por furto, ameaça e praticar ato libidinoso na frente de criança ou adolescente.

Comemoração antecipada
Já no caso do latrocínio do aposentado Domingos Braga de Oliveira, o casal, de 47 e 33 anos, foi preso na noite de segunda-feira por posse de drogas, segundo populares, chegou a comemorar o fato de terem sido soltos sem que os policiais soubessem do envolvimento dos dois na morte do idoso de 88 anos. Estavam completamente enganados. A Polícia Militar descreveu em ocorrência policial na segunda-feira a dinâmica de parte do crime, só não tinha o corpo. Com o encontro do cadáver na manhã de ontem, os argumentos dos policiais militares somados às imagens conseguidas do domingo (quando o casal entra e sai da casa do idoso e depois ele sai e não volta mais), a mulher abriu o bico. A mulher contou tudo e mais um pouquinho.

Populares incendeiam casa de acusada
Guarnições do Corpo de Bombeiros Militar apagaram incêndio em um barraco, rua Rubens Felix, Conjunto Habitacional Antônio Barbosa, por volta das 20h de ontem. O barraco de lona e madeira seria utilizado por usuário de drogas e moradia de uma das mulheres acusadas de matar o aposentado Domingos Braga de Oliveira e foi incendiado por populares revoltados com o crime. Além do barraco, as chamas também queimaram diversos utensílios domésticos esparramados pelo lote. Os bombeiros militares debelaram o foco de incêndio utilizando a técnica de resfriamento por jato mole. Foi realizado rescaldo, deixando o local sem riscos.

Uberabenses presos em Miguelópolis
Criminosos de Uberaba foram até a cidade paulista de Miguelópolis e fizeram quatro pessoas reféns durante assalto na madrugada de segunda-feira (30). Uma guarnição da Polícia Militar fazia patrulhamento pela cidade, quando viu um carro GM Celta parado, com a chave na ignição e alguns objetos no seu interior. Os militares perceberam que dois homens estavam praticando assalto em uma casa próximo do local onde o carro estava. A casa foi cercada e teve início a negociação para que os marginais de Uberaba se entregassem. Dois se renderam e foram presos e outros dois conseguiram fugir e estão desfilando ou até assaltando em Uberaba. Dentro da casa os policiais encontraram dois homens e duas mulheres amarrados. Eles foram socorridos pelo Samu e levados para atendimento médico-hospitalar. Em poder dos marginais foram encontrados: uma espingarda e uma garrucha sem munição e sem numeração e um revólver calibre 38 com 16 munições. Agora é questão de horas para os outros dois serem presos.

Assalto na porta da igreja
Funcionária pública federal de 33 anos teve o carro GM Onix, cor branca, placas QQA-937, tomado de assalto por três homens armados de revólver cano fino, rua Egídio Fantato, bairro Manoel Mendes, por volta das 20h45 de ontem. Ela estava com seu filho criança na porta da igreja de Santo Expedito esperando por sua mãe, que participava de um culto religioso quando foi abordada. Os assaltantes queriam sequestrá-la com o filho e mantê-los reféns. Um dos autores tem o cabelo raspado dos lados, encaracolado na parte de cima, pintado de uma cor próxima de um amarelo. Percebendo o cerco formado pelas guarnições da Polícia Militar, os assaltantes abandonaram o carro no bairro Anatê. O GM Onix foi recolhido ao pátio credenciado da Polícia Civil para que possa ser submetido a perícia técnica.




Continua depois da publicidade


Mais roubo na BR-262
Motorista de 54 anos teve seu celular, dinheiro, documentos e cartões bancários tomados de assalto ao parar seu veículo para atender o celular, rodovia BR-262, quilômetro 803, por volta das 9h30 de segunda-feira (30). Ele contou que parou bem embaixo do viaduto e os assaltantes eram em número de três, sendo que um empunhava uma faca e outro um revólver. Mais uma vez o roubo aconteceu nas proximidades do Residencial 2000.

Administradora de condomínios
Aposentado de 84 anos está denunciando uma administradora de condomínios por uma série de desvios. Junto com a denúncia ele apresentou documentos que ele garante que podem provar a existência de crimes que teriam sido praticados pelo dono da empresa gestora. O aposentado garante que os valores referentes a pagamentos de contas e a um fundo de recursos foram desviados. Também disse que o acusado ignora o pedido de explicações dele e de outros moradores. A Polícia Civil deve investigar a grave denúncia que envolve muito dinheiro.

Estupro de vulnerável
Um homem de 54 anos está sendo acusado de abusar sexualmente de uma menina, hoje com 12 anos. Os abusos aconteceram dos 6 aos 9 anos. A mãe, de 37 anos, alega que só tomou conhecimento agora e, de imediato, procurou a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher para que sejam tomadas todas as providências cabíveis.

É muita qualidade!
Os lanches e pizzas do Primo têm qualidade do começo ao fim. Aliás, tudo no Primo é de muita qualidade. Os ingredientes são escolhidos a dedo e a higiene segue o controle rigoroso dos olhos do dono. No Primo também tem caldos e porções. Para acompanhar tem suco de laranja, refrigerantes ou uma cerveja geladíssima. Primo Lanches e Pizzas, praça Carlos Gomes, 174, bairro Estados Unidos, ligue: 3333-3000. WhatsApp: 99972-4977. Visite o Primo nas redes sociais.

O Primo tem o delivery mais rápido da cidade: 3333-3000

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia
Fechar