JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 23 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

SAÚDE

Continua depois da publicidade



Covid-19: Novas variantes e aumento de casos exigem cuidados específicos?

Especialista orienta a manter superfícies limpas, fazer o uso correto da máscara e tomar as doses recomendadas da vacina

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

18/01/2022 - 14:31:59.

Já são cerca de 310 milhões de doses de imunizantes contra a covid-19 aplicadas no país, e o que para muitas pessoas representou o início de um momento de relaxamento das medidas sanitárias, acabou se transformando em um novo período de alerta. Afinal, por mais que a imunização em massa esteja contribuindo diretamente para a diminuição das taxas de letalidade e casos graves da doença, o surgimento de novas variantes e o aumento geral no número de casos tem demonstrado que o momento ainda é de cuidados. Nesse sentido, o bom hábito adquirido durante a pandemia, de limpar as compras e os calçados usados em ambientes externos, além de higienizar outros objetos, como chaves e bolsas, não deve ser deixado de lado. A afirmação é da médica infectologista Ana Rachel Rodrigues, integrante do Sistema Hapvida/ RN Saúde, que lembra ainda da necessidade de manter os ambientes com boa circulação de ar natural.

Para a especialista, o mundo ainda está aprendendo a lidar com a nova variante do vírus e, por isso, o empenho de todos em evitar a transmissão é essencial. Sobre os cuidados, ela ressalta ainda que não há orientações específicas, por isso a dica é intensificar a rotina que todos já sabem. “Neste momento em que temos um aumento significativo de casos, é importante ter os ambientes arejados e principalmente fazer a higiene dos locais onde temos maior contato com as mãos, como maçanetas, interruptores, bancadas e mesas. A população não pode ter o pensamento, que se tem ouvido com frequência de que, ‘ah, eu vou pegar mesmo’ e, assim, deixar de lado os cuidados. Precisamos voltar às medidas de higiene e prevenção, para que consigamos vencer essa batalha”, orienta Ana Rachel.

Ao destacar a manutenção das medidas, a infectologista relembra a importância do uso correto da máscara, que, segundo ela, ainda é uma das formas mais eficientes de se proteger contra o coronavírus. “A gente tem visto a banalização do uso da máscara, que tem sido esquecido e isso é preocupante neste momento. Infelizmente, houve uma flexibilização das medidas sem conscientização. Porém, é o momento de repensarmos a retomada destas orientações de prevenção, evitando aglomerações e manter o uso da máscara, que deve cobrir nariz e boca, e trocada sempre que úmida”.

Para além das medidas relembradas, Ana Rachel reforça a importância da vacinação. “Nós temos que pensar que a vacina ajuda o nosso sistema imunológico. Ela é uma das armas que nós temos contra a doença e que faz a diferença. Ainda não sabemos totalmente ao certo o comportamento desta nova variante, mas o que temos observado é que os hospitais estão com menos demanda de casos graves e que os contaminados estão apresentando a forma branda da doença. Então, é importante dizer que a população precisa se vacinar e isso inclui a dose de reforço. Com isso, a gente consegue driblar o mais rápido possível esse cenário atual”, finaliza a médica.

Sobre o Sistema Hapvida

Com mais de 7,4 milhões de clientes, o Sistema Hapvida hoje se posiciona como um dos maiores sistemas de saúde suplementar do Brasil presente em todas as regiões do país, gerando emprego e renda para a sociedade. Fazem parte do Sistema as operadoras do RN Saúde, Medical, Grupo São José Saúde, Grupo Promed, Premium Saúde, além da operadora Hapvida e da healthtech Maida. Atua com mais de 38 mil colaboradores diretos envolvidos na operação, mais de 15 mil médicos e mais de 15 mil dentistas. Os números superlativos mostram o sucesso de uma estratégia baseada na gestão direta da operação e nos constantes investimentos: atualmente são 48 hospitais, 203 clínicas médicas, 49 prontos atendimentos, 176 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia