JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 04 de abril de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Unimed solicita formalização das queixas sobre descumprimento de prazos

Diversos problemas vêm sendo relatados ao sindicato, o que motivou a reunião com equipe da Administração Municipal

- Por Gisele Barcelos Última atualização: 06/12/2017 - 09:50:39.

Em conversa com sindicalistas ontem, dirigentes da Unimed solicitaram que servidores formalizem reclamações quanto ao descumprimento de prazos para marcação de consultas e exames. Diversos problemas vêm sendo relatados ao sindicato, o que motivou a reunião com equipe da Administração Municipal para resolver a situação. Os representantes da operadora do plano de saúde também compareceram ao encontro. 

De acordo com o gerente de mercado da Unimed, Rogério Vimieiro, os servidores precisam procurar a própria operadora e formalizar reclamações, sugestões e dúvidas para que a empresa possa atuar em relação às cobranças. “Monitoramos periodicamente o índice de satisfação dos nossos clientes para buscarmos melhorar e responder as questões e problemas, mas, para isso, precisamos de dados concretos. O 0800 é o canal para mensuramos as reclamações, saber quais são as dúvidas e sugestões para podermos atender”, destaca Rogério.

Segundo o representante da operadora, no período de 60 dias, apenas 30 ligações foram de reclamações. O restante foi de acionamentos para esclarecer dúvidas, devido à mudança de plano. 

Já a diretora central de Recursos Humanos e gestora do contrato com a Unimed, Sandra Barra, reforçou a necessidade de formalizar as reclamações para sanar eventuais falhas de atendimento. “Tanto o protocolo serve para a Prefeitura cobrar da operadora, quanto para eles verificarem qual o problema e o que é preciso ser feito”, pontua. 

O servidor pode entrar em contato com a Unimed pessoalmente ou pelo telefone da ouvidoria da Unimed (0800-34-3133), que funciona 24 horas. Para agendamentos, o contato deve ser feito pelo número 0800-940-0502, que funciona das 6h às 21h. Ambos funcionam por telefone fixo e celular.

Entenda o caso: Sindicato cobra respostas de operadora de plano de saúde

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia