JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 18 de janeiro de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Continua depois da publicidade



Governo Municipal articula programa para padronizar atendimento a imigrantes em Uberaba

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

02/12/2021 - 00:47:17. - Por Luiz Henrique Cruvinel Última atualização: 02/12/2021 - 20:25:36.

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds) trabalha em conjunto com a Polícia Federal, Conselho Tutelar, Vara da Infância e Juventude e Ministério Público Federal para criar uma política padronizada de atendimento a imigrantes em Uberaba. De acordo com o adjunto da Seds, Herval Kobayashi, a maior preocupação da gestão é com os não registrados, dada a dificuldade de encontrá-los e oferecer assistência especializada.

Nesta terça-feira (30), Herval participou de uma ação com as partes mencionadas para verificar a regularização dos documentos dos imigrantes venezuelanos em Uberaba. Segundo o secretário adjunto, eles estão acolhidos em uma residência no bairro Alfredo Freire e a verificação da documentação é apenas a primeira ação da comissão formada.

Ele reforça que não há qualquer parâmetro nacional para que a ação de padronização se baseie. Por isso, há a dificuldade de correlacionar os órgãos e tornar a ação efetiva. Contudo, Herval Kobayashi afirma que não falta predisposição e empenho das partes.

Em agosto deste ano, a Câmara Municipal de Uberaba (CMU) promoveu audiência pública para discutir a questão dos imigrantes na cidade. Estimativa divulgada pela vereadora Rochelle Gutierrez (PP), autora do pedido da audiência, aproximadamente vinte imigrantes venezuelanos chegam à cidade por semana, isso sem contar com os que vêm de outros países, como o Haiti.

Na oportunidade, o padre Fabiano, idealizador e coordenador do projeto Ágape, declarou que tem realizado um trabalho de alfabetização com muitos dos estrangeiros que procuram Uberaba. Para realizar a ação, o projeto tem parceria com a Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), por meio do curso de Letras.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia