JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 20 de setembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Licitação para reforma final da Mata do Carrinho deve ser aberta em outubro

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

13/09/2021 - 00:00:00. - Por Luiz Henrique Cruvinel Última atualização: 13/09/2021 - 06:31:18.

Foto/Jairo Chagas

 

Paralisada por não realinhamento de preços e abandono, a obra da reforma da Mata do Carrinho deve ter novo processo licitatório aberto em outubro. A informação é do secretário de Meio Ambiente, Carlos Delfino, em entrevista à Rádio JM, neste sábado (11). Um dos principais pilares desse novo levantamento é a finalização do cercado para evitar furtos e depredação.

A expectativa é que a Secretaria de Meio Ambiente (Semam) consiga dar andamento em outras questões dos parques municipais para abrir a agenda da Mata do Carrinho. O projeto ali, inclusive, inclui a integração com o Memorial Chico Xavier, principal ponto turístico religioso de Uberaba.

“A Mata do Carrinho também é plano da prefeita Elisa Araújo. Tem um contrato em que a empreiteira abandonou a obra, e tem o realinhamento de preços. Já levantamos o quantitativo para terminar o cercamento, e vamos já fazer a licitação daqui um mês, mais ou menos. Mas, o projeto ali é maior. Ali tem o alinhamento do Memorial Chico Xavier com o parque. Nossa arquiteta vai apresentar um projeto para a Elisa na terça-feira. Ali vai ser uma unidade integrada: a pessoa vai visitar o Museu e pode adentrar o parque e passar o seu momento na natureza”, declara o titular da pasta.

Além deste alinhamento, o antigo orquidário que existia na Mata estará novamente disponível neste novo projeto. Carlos afirma que entrou em contato com a sociedade de orquidófilos de Uberaba e conseguiu alinhar as pautas e intenções de reabertura. Esse também é um dos pontos de atração de público presentes no parque.

Contudo, a maior preocupação é com a segurança do local. Enquanto abandonada, a Mata do Carrinho já foi constantemente invadida, e serviu como ponto de fuga de criminosos, até pela falta do cercamento. Para resolver a questão, o secretário conta com o apoio de outras três secretarias, Planejamento, Defesa Social e Fundação Cultural, para organizar a vistoria do ambiente. Em conversas avançadas com o secretário de Defesa Social, Glorivan Bernardes, já foi solicitado o apoio da Guarda Municipal para fazer o policiamento da região. 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia