JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 23 de setembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Município responde a ofício da MP, mas não indica caminho a ser seguido

06/08/2020 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos


Município respondeu a ofício enviado pelo Ministério Público ontem, mas ainda não manifestou se fará ou não a adesão ao programa Minas Consciente nesta quinta-feira (6). Prazo para deliberação termina hoje. As cidades que não aderirem deverão seguir as regras mais restritivas da deliberação 17, conforme decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Leia também: Estado enquadra municípios do Triângulo Sul na "onda amarela"

A promotoria tem um procedimento administrativo em tramitação para acompanhar as ações adotadas nos municípios da comarca e encaminhou ofício na terça-feira às prefeituras para cobrar um posicionamento sobre a adesão ao Minas Consciente.

Em nota, o procurador-geral do Município, Paulo Salge, manifestou que o retorno ao Ministério Público seria dado dentro do prazo estipulado, mas apenas comunicou o órgão fiscalizador que "qualquer tomada de atitude, no tocante à continuidade de sua autonomia para o enfrentamento da Covid-19, ou, igualmente, a sua adesão ao Minas Consciente, será decidida pelo prefeito junto ao Comitê Técnico Científico criado perante a Secretaria Municipal de Saúde".

Ainda no texto, o procurador afirmou que serão observados os prazos e critérios estabelecidos em normas legais. 

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia