JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 29 de maio de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Assembleia Legislativa reconhece decreto de calamidade pública em MG até 31 de dezembro

Pela primeira vez na história do Legislativo mineiro realizou uma votação não-presencial por meio remoto

27/03/2020 - 17:25:32. - Por Gisele Barcelos Última atualização: 27/03/2020 - 17:26:19.

Foto/Reprodução

Assembleia Legislativa realizou sessão virtual para votar o decreto de calamidade pública em Minas Gerais


Aprovado pela Assembleia Legislativa, decreto de calamidade pública em Minas Gerais foi publicado nesta quinta-feira (26) no Diário do Legislativo. O texto reconhece estado de calamidade no território mineiro até 31 de dezembro devido à pandemia causada pelo novo coronavírus.

O decreto foi aprovado em Plenário na quarta (25), em reunião não-presencial. Pela primeira vez na Assembleia, os deputados registraram os votos por meio de votação remota.

Zema decreta calamidade pública e fecha fronteiras de Minas

Com o reconhecimento do Parlamento mineiro, fica suspensa a contagem de prazos determinados pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para que o Executivo se adeque aos limites financeiros normalmente fixados pela legislação para a despesa total com pessoal e para a dívida consolidada do Estado.

Além disso, o governo será dispensado de atingir os resultados fiscais e de observar a limitação de empenho prevista no artigo 9º da LRF, o que amplia as condições de assumir despesas necessárias para o enfrentamento da pandemia.

O Executivo também não precisará realizar licitações públicas para contratação de bens e serviços necessários ao atendimento da situação calamitosa.

Conforme o texto aprovado pelos deputados, o estado de calamidade pública em Minas Gerais será revisto pela Assembleia Legislativa até 20 de julho de 2020. O governador deverá enviar mensagem justificando a necessidade de sua manutenção até 31 de dezembro.

O Executivo também encaminhará à Assembleia relatórios trimestrais para acompanhamento da receita e da despesa do Estado, bem como medidas adotadas durante o período de calamidade.
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia