JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 02 de abril de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Acusados de furtarem 26 cabeças de gado são presos no Rio do Peixe

O crime aconteceu em Veríssimo e a localização dos suspeitos foi possível pelo fato do caminhão que levava os animais ter atolado

26/03/2020 - 14:24:57. - Por Luiz Gustavo Rezende Última atualização: 26/03/2020 - 14:48:39.

Com o caminhão atolado, o gado foi solto na estrada e recuperado pela Polícia Militar

Dois homens – ambos de 42 anos – foram presos acusados de furtar 26 cabeças de gado. Os animais foram roubados esta semana na fazenda Aliança, região de veríssimo. Os suspeitos foram localizados em um assentamento próximo à comunidade do Rio do Peixe.

A Polícia Militar foi acionada, por meio de ligação telefônica do produtor rural que teve os animais furtados. Ele relatou que, além das 26 cabeças de gado, foram levados dois arreios, uma motosserra e medicamentos para animais.

De acordo com a vítima, vizinhos apontaram que um caminhão boiadeiro com carroceria da cor laranja havia carregado os animais. O caminhão era acompanhado por um veículo Volkswagen Parati e ambos saíram em direção ao Rio do Peixe.

Policiais iniciaram diligências e receberam denúncia anônima relatando que o caminhão envolvido no furto estava atolado em uma estrada do assentamento Aprazível, que os animais haviam sido soltos no meio da estrada e o suspeito era conhecido por “Baianinho”.

Agentes foram até o local e visualizaram que o caminhão havia sido desatolado e estava parado em uma propriedade rural. O dono do local relatou que o caminhão foi deixado ali por dois homens, um vulgo “mineirinho” e o proprietário do veículo. Conforme relatos, os dois suspeitos queriam, ainda, deixar os animais na propriedade onde deixaram o caminhão. Porém, o proprietário do local não aceitou.

O caminhão foi deixado no local por estar com motor de partida estragado e foi removido para pátio credenciado junto ao Detran-MG e os suspeitos, localizados no assentamento, encaminhados à Delegacia de Polícia. Ambos possuem passagens nos meios policiais por roubo de gado. 
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia