JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 29 de maio de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Diante dos riscos de contaminação do Covid-19, Unidades de Pronto Atendimento ficam vazias

Normalmente, cada unidade atende média de 350 pessoas, mas o fluxo caiu significativamente

27/03/2020 - 18:27:42. - Por Daniela Brito Última atualização: 27/03/2020 - 19:03:48.

Foto/Leitor

Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) registram significativa queda no movimento em Uberaba. A situação pode ser decorrente de uma campanha feita aos usuários, como medidas de contingenciamento ao Covid-19.

De acordo com a Fundação de Ensino e Pesquisa de Uberaba (Funepu), gestora das duas UPAs, por meio da assessoria de comunicação, a média de atendimento normalmente é de 350 pessoas, em cada unidade, por dia. Atualmente, o movimento está bem abaixo deste número. As UPAs são destinadas apenas a urgências e emergências, porém, as pessoas sempre buscam atendimento quando podem resolver o caso em uma Unidade Básica de Saúde (UBS). Esta situação, justifica a Funepu, causa grande fluxo de pessoas nas UPAS.

Ainda segundo a Funepu, não há um levantamento sobre a queda no índice de atendimento. Porém, a gestora das UPAS informa que o esvaziamento também pode ser justificado pela campanha, em nível municipal, que orienta que somente pessoas com sintomas da Covid-19 devem procurar atendimento nas UPAs.

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia