JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 24 de agosto de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Educação no Trânsito realiza ação para melhorar tráfego nas portas das escolas

As ações, que começaram nesta segunda-feira (19), serão realizadas na porta das escolas públicas e privadas

- Por Geórgia Santos Última atualização: 20/02/2018 - 08:42:28.

Sandro Neves


Parar em fila dupla é uma das irregularidades que mais ocorrem nas portas das escolas, onde a seção de Educação no Trânsito está agindo

Seção de Educação no Trânsito, da Secretaria de Defesa Social, Trânsito e Transportes, orienta pais e responsáveis quanto ao tráfego no retorno das aulas. As ações, que começaram nesta segunda-feira (19), serão realizadas na porta das escolas públicas e privadas e várias irregularidades foram constatadas no primeiro dia de orientação, sobretudo quanto a fila dupla.

O trânsito nos horários de início e término das aulas fica congestionado nas portas das escolas. Portanto, para evitar problemas e confusão, a equipe da Seção de Educação no Trânsito montou cronograma de atividades que será desenvolvido durante um mês.

Nesta segunda-feira (19), a ação aconteceu em escola localizada na avenida Santa Beatriz e, de acordo com o chefe da Seção, Hélio Reis, muitos pais estão confusos e cometendo irregularidades. “Uma mãe chegou a me questionar o que seria fila dupla, para se ter uma noção do quanto estão confusos. Existem pessoas que mesmo com carteira de habilitação não sabem as normas do trânsito. Mas estamos orientando, mostrando a forma adequada de parar na porta das escolas”, explica Hélio.

A equipe flagrou também passageiros e motoristas circulando sem o cinto de segurança, além de crianças, com menos de 10 anos, sentadas no banco da frente. “Percebemos que as pessoas estão afoitas, com pressa, e querem parar na frente da escola, enquanto que o certo é estacionar no local adequado para o desembarque, sobretudo se precisa acompanhar o filho”, afirma Hélio.

Outra orientação é quanto à faixa de pedestre. Em muitas escolas existe a faixa elevada e é preciso fazer a travessia por ela, assim como o motorista deve parar para que os pedestres atravessem. “Vamos fazer palestras nas escolas, algumas já estão agendadas, e aqueles que desejarem basta ligar na secretaria e solicitar uma data”, revela o chefe de seção.

Para finalizar, Hélio passa uma dica para aqueles motoristas que não estão levando crianças para escola: evite as vias próximas às escolas, utilize nova rota, para evitar transtornos. 
 

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia