SERÁ?

Ex-prefeito nega que adiamento da data da convenção foi motivado pela denúncia

Gisele Barcelos
Publicado em 10/07/2024 às 21:15Atualizado em 11/07/2024 às 08:24
Compartilhar

Partidos que integram a aliança em torno do nome de Anderson Adauto comunicaram o adiamento da convenção partidária, na quarta-feira (10). A reunião tinha sido convocada para o dia 20 deste mês, mas está sendo transferida para 3 de agosto.

O pré-candidato negou que a decisão seja motivada pela denúncia encaminhada à direção estadual do PV e disse não ter conhecimento do documento que questiona a filiação ao partido.

Segundo AA, a convenção foi adiada porque a equipe jurídica recomendou realizar a reunião mais próximo do fim do prazo permitido pelo calendário eleitoral, que é dia 5 de agosto. “Não é por causa desse questionamento”, acrescentou.

Para Anderson, o documento endereçado à direção do PV é apenas uma tentativa dos adversários para desestabilizar a pré-candidatura a prefeito. “Eles já perceberam que do ponto de vista político e eleitoral vão ter muita dificuldade, então estão batendo sempre na parte jurídica”, declarou.

Adauto também afirmou estar com equipe jurídica preparada para acompanhar a questão na Justiça e manifestou estar confiante quanto à viabilidade da candidatura a prefeito. “Estou preparado do ponto de vista jurídico e psicológico para cuidar disso com toda a tranquilidade para meu processo de volta”, finalizou.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Logotipo JM Magazine
Logotipo JM Online
Logotipo JM Online
Logotipo JM Rádio
Logotipo Editoria & Gráfica Vitória
JM Online© Copyright 2024Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por