JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 30 de junho de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Continua depois da publicidade



Câmara aprova projeto que cria a bancada feminina por unanimidade

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

17/05/2022 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos

Por unanimidade, vereadores aprovaram ontem a criação da bancada feminina na Câmara Municipal. O agrupamento suprapartidário será integrado por todas as mulheres em exercício de mandato. A liderança da bancada ainda não foi anunciada, mas o nome deverá ser indicado até o fim deste semestre.

Na votação do projeto, a vereadora Rochelle Gutierrez (PP) elogiou a iniciativa da autora da matéria, Luciene Fachinelle (União Brasil), e afirmou que se trata de um legado que será deixado para a Câmara Municipal.

A parlamentar ainda manifestou que espera que a criação da bancada feminina favoreça a maior união entre as parlamentares, independente de cores partidárias. “Tem um trabalho consolidado na Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados, que passa por cima de valores e partidos. Torço para que bancada seja instrumento de união das vereadoras desta Casa”, disse.

Já a vereadora Alessandra Piagem (Pode) ressaltou que a bancada será um espaço importante para que as mulheres eleitas possam trabalhar para elaborar políticas públicas voltadas para o público feminino a partir de agora.

Além disso, a vereadora Denise Max (Patri) posicionou que a expectativa é que a atuação das vereadoras possa ser ainda mais forte e incentivar outras mulheres a ingressarem na vida política. “Espero que 50% da próxima legislatura sejam de mulheres”, disse.

Em carta enviada ao Legislativo, lida pela autora da proposta, Lu Fachinelli,  a prefeitura Elisa Araújo (Solidariedade) afirmou que a bancada feminina traz mais legitimidade para as mulheres eleitas na Câmara Municipal e também trará representatividade as articulações de políticas afirmativas de gênero.

A bancada terá prazo de até 30 dias após a promulgação da lei para indicar o nome da liderança que atuará até o fim do mandato da atual Mesa Diretora. Depois, o nome da líder e da vice-líder escolhidas em reunião do grupo será comunicada anualmente à Mesa.

A liderança da Bancada Feminina as prerrogativas asseguradas pelo Regimento Interno aos líderes de bancada ou bloco parlamentar quanto ao uso da palavra, bem como as prerrogativas do líder do Prefeito e demais membros do colégio de líderes.

Esta é a primeira vez que a Câmara Municipal tem um número maior de mulheres eleitas para discutir a composição da bancada feminina. Em geral, havia apenas uma mulher com mandato em anos anteriores. O máximo alcançado anteriormente foram duas vereadoras, na legislatura de 2001/2004.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia
Fechar