JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 07 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Projeto de orçamento para 2022 chega a câmara; Conselho Municipal de Saúde aprova a proposta

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

16/10/2021 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos

 No último dia do prazo, a Prefeitura protocolou ontem o projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2022 na Câmara Municipal. A peça prevê um bolo de R$1.656.137.650,07 para o segundo ano de governo da prefeita Elisa Araújo (Solidariedade). O total é 4,15% maior do que o montante aprovado para este ano.

Segundo o assessor-geral de Orçamento e Controle, Jorge Cardoso de Macedo, a peça orçamentária foi elaborada de forma conservadora, respeitando a imprevisibilidade quanto à retomada econômica do exercício de 2022.

Em valores nominais, o incremento de 2021 para 2022 é de apenas R$66 milhões. A diferença corresponde a um aporte maior previsto nas áreas de Saúde e Educação no próximo ano.

Pelo projeto, a maior fatia do orçamento será destinada para a área de Saúde, com previsão de R$382.951.513,60. O valor é R$20 milhões a mais do que o montante projetado para o setor este ano (R$360.395.719,70).

Já a Educação aparece com a segunda maior parcela do orçamento 2022, totalizando R$378.520.971,28. A pasta terá R$35 milhões a mais do que este ano (R$343.151.014,21). Isso equivale a um incremento em torno de 10% na comparação com o valor destinado para o setor em 2021.

A terceira maior fatia do orçamento do próximo exercício é da Codau (Companhia Operacional de Desenvolvimento, Saneamento e Ações Urbanas), com R$187.070.228,71. Porém, na comparação com a proposta aprovada para este ano, a autarquia terá quase 40 milhões a menos de recursos em 2022. Considerando a fatia de R$224.787.853,40 projetada para este ano, a queda é de, aproximadamente, 17%.

Em quarto lugar, a Secretaria de Serviços Urbanos e Obras também tem menos recursos previstos para o ano que vem. São R$150.674.734,79 em 2022, contra R$162.625.654,68 em 2021.

Por outro lado, haverá crescimento nos valores destinados para o Desenvolvimento Social e Defesa Social. As pastas terão, respectivamente, R$40.163.716,20 e R$34.662.455,01 no próximo ano. Este ano, o orçamento prevê R$36.187.064,65 e R$20.975.100,77 para cada uma.

Já a previsão de repasse para a Câmara Municipal está estimada em R$37.502.500,00 no ano que vem, enquanto o montante para 2021 era de R$33.393.963,96. (GB)

 

Conselho Municipal de Saúde aprovou

proposta enviada ontem ao Legislativo

 

Apreciada pelo Conselho Municipal de Saúde esta semana, a proposta de orçamento para o setor enviada para o Legislativo foi aprovada por unanimidade.

A presidente do conselho, Janete Maurília de Almeida, informa que 13 conselheiros titulares comparecem à reunião na quinta-feira (14) e houve quorum para a deliberação sobre o projeto da LOA, que teve posicionamento favorável dos presentes.

O orçamento para a Saúde teve um incremento em torno de 6%, comparado com valor projeto para o setor este ano. A pasta terá R$382.951.513,60 em recursos no próximo exercício, enquanto o montante orçado para 2021 é de R$360.395.719,70. 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia