JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 10 de julho de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Secretários alvo de investigação da PF são exonerados

03/06/2020 - 16:42:41. - Por Gisele Barcelos Última atualização: 03/06/2020 - 17:04:52.

Por meio de nota oficial, o prefeito Paulo Piau confirmou na tarde desta quarta-feira (3) a exoneração dos secretários, Antônio Sebastião de Oliveira (Serviços Urbanos) e Wellington Fontes (Fazenda), ambos alvo de investigação da Polícia Federal deflagrada na semana passada.

A decisão foi anunciada após reunião que aconteceu no gabinete hoje. Segundo a nota oficial, a exoneração está sendo feita a pedido dos secretários e será publicada na próxima edição do Porta-Voz.

De acordo com o comunicado, os secretários querem que seja dado total acesso e transparência à investigação. "É de interesse de ambos que tudo seja esclarecido de forma mais rápida possível", continua o texto.

Por enquanto, o prefeito ainda não informou quem serão os substitutos para assumir o comando das duas pastas. Segundo informação da assessoria de imprensa, a questão ainda está em alinhamento. 

Em entrevista ao Jornal da Manhã, o titular da Fazenda, Wellington Fontes, declarou que comunicou ao prefeito o desligamento do cargo para se dedicar à defesa contra as acusações investigadas pela PF. "Voltarei a exercer a minha atividade empresarial particular e lá terei tempo, juntamente com meus advogados, de trazer todas as explicações e as provas necessárias para esclarecer tudo à medida que a Justiça e a Polícia demandarem", afirma.

Fontes ainda classificou como "denúncia anônima infundada" as acusações que apontam que estaria ligado às empresas subcontratadas pela responsável pelo servico de limpeza urbana. "Não sou sócio a nenhuma dessas empresas. É só conferir os contratos sociais", manifesta.

O secretário declara que também houve questionamentos na investigação sobre quantias depositadas na conta corrente pessoal. Entretanto, ele posiciona que os recursos são pagamento por trabalhos independentes de consultoria realizados.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia