JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 14 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Número de mortes por dengue em Minas é o 2º maior da década

Secretaria de Estado de Saúde confirmou 144 mortes neste ano e ainda investiga outros 110 óbitos; há três anos, 208 morreram vítimas da doença

09/10/2019 - 00:00:00.

Até a primeira semana de outubro deste ano, 144 pessoas morreram vítimas da dengue em Minas Gerias. A informação foi divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde e, outros 110 óbitos ainda estão sendo investigados, o que pode elevar, ainda mais o número de mortos em decorrência da doença no Estado. Até o momento foram registrados 479.802 casos.

Durante esta década, 2016 foi o ano com maior número de mortes, seguido por 2019. Confira o número de mortes e casos confirmados de dengue:

2010 96 mortos 212.539 casos
2011 21 mortos 38.273 casos
2012 15 mortos 30.548 casos
2013 107 mortos 414.748 casos
2014 50 mortos 58.489 casos
2015 78 mortos 194.112 casos
2016 208 mortos 517.830 casos
2017 19 mortos 26.100 casos
2018 12 mortos 29.987 casos
2019 *144 mortos 479.802 casos

 

* até a primeira semana de outubro

A secretaria também divulgou informações sobre a febre chikungunya e o zika vírus. Com relação à chikungunya, até o momento, Minas Gerais registrou 2.748 casos prováveis da doença. Uma pessoa morreu na cidade de Patos de Minas e um uma outra morte está sob investigação. Já em relação ao zika vírus, foram registrados 758 casos prováveis da doença.

Uberaba
Ainda segundo o boletim epidemiológico, em Uberaba duas mortes foram confirmadas. Para o controlar a doença, Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias da Prefeitura de Uberaba realiza em outubro segundo Levantamento de Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) de 2019. A ação será promovida entre os dias 14 e 18 de outubro.

O levantamento ajuda a mapear os locais com altos índices de infestação do mosquito e consequentemente, alerta sobre os possíveis pontos de surto das arboviroses. Cerca de 140 agentes de combate a endemias (ACEs) trabalharão das 7 horas às 13h40, de segunda a sábado, na vistoria de 6.313 imóveis de Uberaba, divididos em 16 estratos. 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia