JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 01 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Rio Uberaba retoma vazão segura com o reinício das chuvas

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

19/10/2021 - 06:52:48. Última atualização: 19/10/2021 - 15:24:23.

Vazão do rio Uberaba nesta terça-feira (19) 

A Companhia Operacional de Desenvolvimento, Saneamento e Ações Urbanas (Codau) vem registrando aumento na vazão do rio Uberaba desde o fim de semana, quando as chuvas ficaram mais constantes. No sábado, os equipamentos aferiram 30 mm e nesta segunda-feira (18), outros 28 mm de precipitação pluviométrica dentro da Estação de Captação.

Nesta manhã de terça-feira (19), as equipes da Assessoria de Meio Ambiente fizeram nova medição na Estação de Captação no rio Uberaba e o volume registrado foi de 2.190 litros/segundo. Bem diferente de um mês atrás, no dia 18 de setembro, quando o rio tinha um volume de apenas 860 l/s, já contando com ajuda extra da transposição do rio Claro. Um dos menores picos registrados foi também no dia 16 de setembro, quando a lâmina d'água do rio esteve com 12 centímetros de altura. Nestas condições, os aparelhos eletrônicos de medição não conseguiram medir a vazão, pois ficaram sem referência com o volume extremamente baixo do rio.

Rio Claro - Desde o último sábado, dia 16 de outubro, o sistema de transposição de bacia do rio Claro foi desligado. E até o momento, a totalização é de 116 dias de operação, iniciados no dia 10 de junho, com apenas quatro dias desligado, neste intervalo de quatro meses de uso intenso. “A estrutura do sistema de transposição continua montada, caso seja necessário acionar novamente os motores do rio Claro, pois a vazão do rio Uberaba ainda pode oscilar negativamente, caso ocorra um veranico”, ressaltou o presidente da Codau, José Waldir de Sousa Filho.

O acumulado de precipitação pluviométrica entre setembro e outubro (até dia 17) é de 108,4 mm, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

As manobras de abertura e fechamento dos Centros de Reservação (durante o dia ou nas madrugadas) estão suspensas desde o dia 10 de outubro. O tempo chuvoso e temperaturas mais baixas também contribuíram para a redução do consumo de água na cidade.

Os reservatórios continuam totalmente abertos, sem restrições impostas pelas manobras de intermitência. A direção informou que esta é a tendência com o início do período chuvoso.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia