JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 04 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Motoristas do transporte coletivo ameaçam greve por recomposição salarial

A categoria realizou uma assembleia no dia 14 de setembro para aprovar a greve

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

21/09/2021 - 15:26:11. Última atualização: 21/09/2021 - 15:29:46.

O Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Uberaba (Sintracol) protocolou na Superintendência de Trânsito e Mobilidade Urbana nesta segunda-feira (20), um ofício para comunicar o movimento paredista. Conforme o documento, ao qual a reportagem do Jornal da Manhã teve acesso, o movimento acontece pela falta de acordo na negociação da Convenção Coletiva de Trabalho da categoria dos trabalhadores dos transportes públicos. 

No documento, o Sintracol diz que a proposta de 5% de reajuste apresentada pelo sindicato patronal é quase metade da recomposição salarial do período, que está acumulada em 9,86%. No ofício, a entidade classista também diz que o sindicato patronal se recusa a negociar.

Na manhã desta terça-feira (21), contudo, ainda não houve qualquer tipo de movimentação ou comunicação com o Sindicato. A reportagem do Jornal da Manhã procurou o presidente do Sintracol, Roberto Alexandre Vieira, que confirmou a ausência de respostas tanto do poder Executivo, quanto do Sindicato Patronal.

Em contato com o Sindicato das Empresas do Transporte Público de Uberaba (Transube), o presidente André Campos afirmou que as empresas ainda, de manhã, não foram procuradas, então aguarda o tempo necessário para se posicionar. A Secretaria de Defesa Social, por meio da Prefeitura de Uberaba, ainda não se manifestou oficialmente.

O documento aponta que caso não sejam retomadas as negociações com propostas de reajustes salariais nas próximas 72h, será iniciado o movimento de greve. O Sintracol ainda menciona que, caso o movimento se inicie, irá manter a circulação essencial de 30% da frota nos horários de pico e 15% nos demais horários, cumprindo determinação constitucional.


 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia