JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 12 de dezembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Escolas de Uberaba promovem desfile em forma de reflexão ao Dia da Consciência Negra

A ação é a culminância de um trabalho feito nas escolas durante o ano para desconstruir o preconceito

18/11/2019 - 10:42:40. Última atualização: 18/11/2019 - 10:48:27.

Fotos/Fábio Braga

Nove escolas municipais e estaduais realizaram caminhada na manhã de segunda-feira (18) da Escola Estadual Profª Corina de Oliveira até a praça Dom Eduardo, no bairro São Benedito, em lembrança ao Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro. Vale lembrar que o TJMG confirmou a suspensão do feriado da Consciência Negra em audiência no dia 14 de novembro.

A ação é a culminância de um trabalho feito nas escolas durante o ano, que prevê a desconstrução do preconceito e da intolerância.

“Em todas as disciplinas todo mundo toca neste assunto, tem sempre um tema transversal e um assunto que corre em direção a essa questão do negro, aí todas as áreas trabalham e eles vieram aqui apresentar”, explica Vânia Rosa de Oliveira, professora e bibliotecária.

Na praça, os alunos apresentaram trabalhos manuais, de artes, de histórias, jograis, além de apresentações de grupos de congado e palestras. Na terça-feira (19) há previsão de outras atividades dentro das escolas.

A Escola Estadual Corina de Oliveira realizará uma roda de conversa. Entre os convidados estão a educadora da Universidade Federal do Triângulo Mineiro e doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, (PUC-SP) Maria Cristina de Souza, a jornalista Tatiane Ferreira, o professor Gustavo Vaz, da Fundação Cultural, e as artistas Daniella Néspoli e Maria Conceição.

Leia também: Cancelada a palestra com a escritora Conceição Evaristo em Uberaba

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia