JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 24 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

GERAL

Continua depois da publicidade



Ameaças cibernéticas mais perigosas que você deve conhecer

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

24/01/2022 - 09:12:02. Última atualização: 24/01/2022 - 09:13:14.

As ameaças cibernéticas atingem empresas em todo o mundo, sendo essencial compreendê-las para poder se proteger. 

Cada vez mais os ataques se tornam mais perigosos. Em resposta a isso, soluções também surgem para impedir as ações de criminosos na internet. Por exemplo, hoje é possível que experimente o melhor software VPN gratuito. Espionagem corporativa, interrupção de negócios ou ganho financeiro. Seja qual for a motivação, as ameaças de segurança cibernética se tornaram generalizadas e continuam a derrubar todas as facetas do mundo digital. 

Além de causar graves danos financeiros, os ataques cibernéticos podem levar a penalidades regulatórias, ações judiciais, danos à reputação e interrupções na continuidade dos negócios. 

Nenhum negócio e organização de TI estão seguros no mundo cibernético atual. À medida que os cibercriminosos dependem cada vez mais de tecnologias sofisticadas, as organizações geralmente se sentem sem esperança. 

Isso porque seus dados confidenciais e ativos críticos são vítimas de ataques maliciosos. 

Além disso, a rápida adoção de tecnologias emergentes, incluindo IA (Inteligência Artificial), Internet das Coisas (IoT) e computação em nuvem, adicionaram novas ameaças cibernéticas para as organizações, ao mesmo tempo em que adicionam complexidade aos riscos existentes. 

Continue a leitura e descubra quais são as ameaças cibernéticas mais perigosas que devem ser evitadas!

O que são ameaças de segurança cibernética?

As ameaças cibernéticas nada mais são do que ataques maliciosos que são colocadas em prática por um indivíduo ou organização criminosa. 

Isso é feito para obter acesso não autorizado a uma rede de empresa ou de outra pessoa. 

Com isso, o ataque é capaz de danificar, interromper ou roubar ativos de TI, propriedade intelectual, redes de computadores e assim por diante.

Tipos de ameaças à segurança cibernética

Embora os tipos de ameaças cibernéticas continuem a crescer, existem algumas das ameaças mais comuns e predominantes que as organizações atuais precisam conhecer. 

Aqui está uma lista com algumas deles:

1. Malware

Ataques de malware sem dúvida são o tipo mais frequentemente de ataque cibernético. 

Esse tipo de ameaça é conhecido como software malicioso, incluindo: 

●     Spyware;

●     Ransomware;

●     Vírus;

●     Worms. 

Ele pode ser instalado no sistema quando o usuário clicar em algum link de e-mail perigoso. 

Depois que é instalado, o malware é capaz de bloquear o acesso a componentes da rede, bem como danificar o sistema e ainda obter informações confidenciais.

2. Phishing

Ao abrir e-mail é muito importante ter atenção aos ataques de phishing. Isso porque os cibercriminosos costumam enviar e-mails que parecem ser legítimos, mas não são. 

Com isso, o usuário que recebe o e-mail é induzido a clicar no link malicioso, o que leva a instalação de malware ou é capaz de ter acesso a informações confidenciais, como login de sistema, por exemplo.

3. Injeção de SQL

Um ataque de injeção de linguagem de consulta estruturada (SQL) ocorre quando os cibercriminosos tentam acessar o banco de dados carregando scripts SQL maliciosos. 

Uma vez bem-sucedido, o agente mal-intencionado pode visualizar, alterar ou excluir dados armazenados no banco de dados SQL.

4. Ameaças Persistentes Avançadas (APT)

Uma ameaça persistente avançada ocorre quando um agente mal-intencionado obtém acesso não autorizado a um sistema ou rede e permanece indetectável por um longo tempo.

5. Ransomware

     Um ransomware é um tipo de ataque cibernético de malware. Quando aplicado, o invasor consegue bloquear ou criptografar as informações da vítima. 

Ao fazer isso, ele pode ameaçá-la publicar dados ou bloquear o acesso a informações, a não ser que um resgate seja pago.

6. Ataque DNS

O ataque de DNS trata-se de um ato no qual os criminosos exploram possíveis vulnerabilidades no Sistema de Nomes de Domínio (DNS). 

Quando esse ataque acontece, os invasores aproveitam as vulnerabilidades do DNS para desviar os visitantes do site para páginas maliciosas (DNS Hijacking) e exfiltrar dados de sistemas comprometidos (DNS Tunneling).

Fontes de ameaças à segurança cibernética

Para responder efetivamente a um ataque cibernético, é muito importante conhecer os atores da ameaça e entender suas táticas, técnicas e procedimentos.

Aqui estão algumas das fontes comuns de ameaças cibernéticas:

1. Estados Nacionais

Os ataques cibernéticos de uma nação podem causar um impacto prejudicial ao interromper as comunicações, as atividades militares e a vida cotidiana.

2. Grupos Criminosos

Grupos criminosos visam se infiltrar em sistemas ou redes para obter ganhos financeiros. 

Esses criminosos geralmente utilizam: phishing, spam, malware e spyware. Isso tudo é feito principalmente para os seguintes objetivos: 

●     Roubar identidade;

●     Fraude online;

●     Expansão do sistema.

3. Hackers

Os hackers costumam aplicar diversas técnicas cibernéticas para que possam cometer crimes, como descobrir possíveis vulnerabilidades de sistemas. 

Esses indivíduos são motivados a cometer atos criminosos por: vingança, ganho pessoal, ganho financeiro, ativismo político, etc. 

Os hackers desenvolvem novos tipos de ameaças pela emoção do desafio ou pelo direito de se gabar na comunidade de hackers.

Conclusão

Os ataques cibernéticos geram problemas em todo o mundo que podem provocar graves danos. 

Neste artigo, você descobriu quais são as principais ameaças cibernéticas que você deve se proteger.

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia