JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 20 de outubro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Operadora é multada em R$ 10 milhões por descumprir bloqueio de telemarketing

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

16/09/2021 - 13:42:40. Última atualização: 16/09/2021 - 13:45:50.

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) multou em R$ 10 milhões a empresa de telefonia, banda larga e TV por assinatura, Claro S.A, por descumprimento da lei do bloqueio de telemarketing. A decisão foi anunciada nesta quarta-feira (15) e o processo foi feito por meio da 14ª Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de BH. 

Após ser intimada, a empresa tem 10 dias para apresentar recurso e rebater a decisão ou pagar o valor da multa.
 
Conforme a justiça, o processo foi aberto após uma denúncia de um consumidor que continuava recebendo ofertas de serviços de TV e internet mesmo após ter bloqueado os números do telemarketing, o que mostra uma infração. Em defesa, a empresa disse que "havia firmado acordo prévio" com o possível cliente.
 
Entretanto, o MPMG afirma que a denúncia apenas oficializou a conduta da empresa, já que a Promotoria de Defesa do Consumidor havia recebido 51 reclamações com as mesmas características. 
 
O descumprimento do bloqueio de telemarketing é crime segundo a Lei Estadual 19.095/2010 e regulamentado pelo Decreto Estadual 46587/14 e pela Resolução PGJ 83/14. A Decisão Administrativa completa que a publicidade por meio de mensagens ou ligações é questão de interesse público.

O valor da multa é baseado na receita bruta da empresa. Em 2017, a Claro S.A obteve o rendimento de R$ 2,2 bilhões em Minas Gerais. Assim, a empresa foi multada no valor de R$ 9.632.217,13, que devem ser pagos ao Fundo Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor.

 
*Com informações do jornal Estado de Minas

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia