JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 04 de dezembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Tratamento depende da origem e extensão da queda

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

Última atualização: 10/07/2016 - 11:22:26.

Nos últimos anos, novos métodos de tratamento têm surgido e métodos antigos se tornaram mais refinados, ampliando o nosso arsenal terapêutico e permitindo obter resultados satisfatórios onde até pouco tempo atrás não seria possível. O dermatologista Mário Fernando Martins Pinto destaca que o Microagulhamento consiste na utilização de um aparelho que produz múltiplas pequenas perfurações no couro cabeludo dos pacientes, as quais irão servir de estímulo para o crescimento de novos fios de cabelo. “O procedimento é realizado em sessões, na clínica, pelo especialista. Os resultados para os casos de baixa densidade capilar muitas vezes são surpreendentes”, afirma.

O especialista destaca ainda que a terapia baseada na utilização do Plasma Rico em Plaquetas Autólogo é outro método de tratamento que vem sendo utilizado nos últimos anos no tratamento de alguns dos tipos mais comuns de alopecia, aumentando a eficácia dos outros métodos de tratamento, podendo inclusive ser realizado em associação com o microagulhamento. “Consiste na coleta de sangue do próprio paciente, o qual passa por um processo de centrifugação para obtenção da fração do sangue, chamada de plasma rico em plaquetas, a qual é injetada na pele do couro cabeludo, servindo de estímulo para o crescimento de novos fios de cabelo. Estudos recentes têm demonstrado a eficácia do método”, explica.

O dermatologista destaca também a eficácia do Transplante Capilar Autólogo, método que consiste na extração de unidades foliculares de área de couro cabeludo íntegra para implantação das mesmas em áreas de perda capilar. “Este método de tratamento está reservado para os casos de perda capilar mais intensa e antiga, uma vez que se trata de método mais invasivo e de custo mais elevado”, conclui Mário Fernando.

 


Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia