SUSPEITO FOI PRESO

Homem é espancado até a morte no bairro de Lourdes

Troca de ofensas entre autor e vítima teria motivado a agressão por parte do autor, que foi localizado nas imediações pela Polícia Militar

Carlos Paiva
Publicado em 08/07/2024 às 07:33Atualizado em 08/07/2024 às 18:59
Compartilhar
Câmera de casa no local registrou a violência das agressões por parte do jovem contra o idoso, que morreu durante atendimento do Samu (Foto/Reprodução)

Câmera de casa no local registrou a violência das agressões por parte do jovem contra o idoso, que morreu durante atendimento do Samu (Foto/Reprodução)

Jovem de 24 anos foi preso após matar a golpes de madeira e pedradas idoso de 63 anos, na rua das Camélias, bairro de Lourdes, na noite de domingo (7). Durante a prisão do autor confesso, policiais militares tiveram que usar uma pistola de emissão de impulso elétrico para contê-lo. A motivação estaria relacionada a “troca de ofensas” entre autor e vítima.

Policiais militares, após serem acionados por testemunhas, chegaram ao local rapidamente e se depararam com o idoso caído no chão, sendo amparado por populares. Ele apresentava diversas lesões na região da cabeça e estava perdendo muito sangue.

Uma equipe do Samu chegou em seguida e começou a aplicar os primeiros socorros ao idoso, mas, devido aos ferimentos, ele sofreu uma parada cardiorrespiratória.

Testemunhas disseram que o autor das agressões era de estatura mediana, pardo e trajava bermuda azul e camiseta azul com o número 10 nas costas. Também disseram que ele teria fugido em direção à avenida Padre Eddie Bernardes da Silva.

Segundo informações, uma guarnição da Polícia Militar que fazia diligências se deparou com o autor correndo pela rua Topázio, onde foi dada ordem para que ele parasse e se posicionasse para busca pessoal, à qual ele desobedeceu e continuou fugindo.

Na rua das Açucenas, o autor foi abordado e novamente se recusou a se postar para a abordagem. Nesse momento, os militares utilizaram uma pistola de emissão de impulso elétrico, acertando o acusado na região dorsal do lado esquerdo. Ele recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de homicídio qualificado.

O acusado relatou que já teria tido outros atritos anteriores com a vítima e que no domingo (7) eles teriam trocado ofensas, o que o motivou a matar o idoso.

Um perito criminal da Polícia Civil periciou o local, colheu evidências para a confecção do laudo e encaminhou o corpo para o Posto de Medicina Legal em Uberaba. O autor foi levado para o plantão da Polícia Civil, no Parque das Américas, e entregue à autoridade policial. Imagens das câmeras de segurança filmaram toda a ação criminosa.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Logotipo JM Magazine
Logotipo JM Online
Logotipo JM Online
Logotipo JM Rádio
Logotipo Editoria & Gráfica Vitória
JM Online© Copyright 2024Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por