JM Online

Jornal da Manhã 50 anos

Uberaba, 09 de agosto de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Paiva SENTINELA 11/01/2022



Aposentado é espancado por ex indignada com o término

Assalto no bar
Gerente de cargas, de 29 anos, procurou a Polícia Militar e relatou que foi assaltado no estabelecimento comercial denominado "Canecão Bar", na avenida Ramid Mauad, bairro Morumbi, às 21h30 de ontem. Ele conta que estava confraternizando com familiares, quando chegaram dois homens e anunciaram o assalto. Um dos homens estava armado e tentou disparar um tiro. Felizmente, o tiro não foi disparado devido uma falha na arma de fogo. Todos no bar foram obrigados a deitarem no chão. Neste momento, foram disparados dois tiros, provavelmente de calibre 22. Foi roubado o celular do gerente de cargas. Os ladrões fugiram a pé. O aparelho celular tem rastreador e foi encontrado abandonado na BR-262, logo após a o clube Jockey Park.

Cruz no rosto
Logo após o assalto ao “Canecão Bar”, os dois assaltantes foram para a farmácia “Pague Menos”, avenida João XXIII, Parque das Américas, e levaram do caixa R$500,00. Um dos autores possui uma tatuagem de uma cruz no rosto. Esse assaltante foi reconhecido pelas vítimas através de foto.

No ponto de ônibus
Atendente de 25 anos teve seu aparelho celular tomado de assalto em um ponto de ônibus, na avenida Barão do rio Branco, bairro São Benedito, às 21h de ontem. O autor estava trajando calça jeans clara, boné vermelho, blusa de frio azul escura com capuz e detalhe branco na frente, tênis preto com detalhe alaranjado. Ele é magro e alto e estava armado com uma pistola. No momento em que anunciou o assalto, engatilhou a suposta arma de fogo e todos que estavam no ponto de ônibus correram.

Furto encomendas
Um motorista de 41 anos teve seu micro-ônibus Hyundai H100 DLX, cor branca, placas BWO-4369 furtado, na rua Floriano Peixoto, região central de Uberaba, por volta das 13h de ontem. Para piorar, dentro do veículo estavam exatos 128 pacotes que deveriam ser entregues a 128 pessoas. O motorista é entregador dos sites Mercado Livre e Amazon. Aqueles que estão esperando as entregas de compras feitas nestes dois sites vão ter que esperar mais um pouco.

Assaltado e agredido
Aposentado de 65 anos foi assaltado por dois homens que estavam em carro prata, na rua Álvares Cabral, bairro Fabrício. Segundo o idoso, no carro estavam dois homens e um deles chegou a chamá-lo pelo apelido. O autor que estava como passageiro desembarcou, mandou a vítima levantar as mãos e arrancou sua pochete. Foi roubada certa quantia em dinheiro e um celular. Antes de retornar ao carro, o assaltante desferiu dois socos nas costas do idoso.

Tráfico de drogas
Adolescente de 16 anos foi apreendido por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas, rua Palmas da Babilônia, Jardim Uberaba, às 15h40 de ontem. Ao ver as motocicletas da Polícia Militar, o jovem saiu correndo, o que acabou chamando atenção. Foi encontrado em poder do menor duas buchas de maconha, cinco papelotes de cocaína e R$169,00 em dinheiro.

WhatsApp clonado




Continua depois da publicidade


Professora perdeu R$17.028,52 acreditando que estava atendendo pedidos do filho que teve o WhatsApp clonado, rua Cianorte, bairro Valim de Melo, às 15h de ontem. Ela teria recebido uma mensagem de uma pessoa se passando por seu filho alegando que havia mudado o número do telefone e solicitou um Pix de R$4.340,88. Acreditando, a professora fez o Pix. Depois, o suspeito pediu R$4898,97 e mais uma vez a professora fez a transferência. E, por último, o golpista solicitou R$7.788,67. E mais uma vez o pedido foi atendido via Pix. As transferências foram feitas para três CPFs diferentes.

Receita federal
Aposentada de 69 anos levou susto ao ser informada pela Receita Federal que havia uma pendência em seu nome. Conforme a mulher, um CPF desconhecido declarou que pagou a ela a quantia de R$ 36.050,00. Ela garante que não conhece o dono do CPF. Agora a idosa vem tendo uma série de problemas e registrou o fato na polícia para tentar descobrir o que houve.

Golpe do intermediário
Um agente socioeducativo de 33 anos anunciou no site OLX e Facebook a venda GM Corsa Wind no valor de R$10 mil. Um motorista de 38 anos apareceu, através de um terceiro. O motorista interessou pelo carro e pagou ao terceiro (intermediário). No momento da assinatura do recibo, os dois envolvidos perceberam o golpe. Os dois entraram em um acordo.

Crime contra o idoso
Um aposentado de 69 anos foi muito agredido pela ex-companheira, na rua Enéas Guerra Terra, bairro Serra do Sol, às 17h30 de ontem. Ele relata que sua ex foi até sua residência, revirou sua casa, lhe agrediu com “socos com as mãos fechadas” e, com uma tesoura em uma das mãos, passou a esmurrá-lo. Ele sofreu escoriações nos dois braços, no olho direito e na orelha direita. A mulher ainda teria danificado o carro do aposentado. O idoso relata que tudo isso é porque está namorando outra mulher e a ex não aceita. O caso foi encaminhado à Delegacia de Orientação e Proteção à Família.

Crime contra o consumidor
Uma dona de casa, de 32 anos, ficou enfurecida com fato que aconteceu no atacarejo Mart Minas, avenida Santos Dumont, bairro Santa Maria, às 17h de ontem. Ela fez uma compra no valor de R$327,28 e passou seu cartão do banco Itaú. O banco descontou o valor das compras na conta da dona de casa, mas não repassou os valores ao Mart Minas. Com isso o gerente do atacarejo não pode entregar as compras. Isso, infelizmente, ocorre muito mais vezes do que se imagina e nada acontece com os bancos. Em alguns casos, as vítimas não possuem o que comer em casa e usam o único dinheiro que têm para as compras. O dinheiro fica indisponível (por erro do banco) por até três dias e o correntista fica sem os alimentos.

Furto de pinga
Já um aposentado de 56 anos também está furioso, mas é com os ladrões que furtaram sua garrafa de pinga preferida. Ele tem uma fazenda na Ligação 798 e os ladrões arrombaram a porta da sede e furtaram um botijão de gás, um machado, uma espingarda de pressão, máquina de lavar de pressão e sua estimada garrafa de pinga (não sabe a marca).

Prejuízo
Um cidadão de 34 anos é mais uma vítima do golpe do intermediário. Os modus operandi são os mesmos de sempre. Neste caso, o veículo é uma motocicleta Honda e o valor do prejuízo é de R$1,2 mil. Só para lembrar, só cai nesse golpe quem quer levar vantagem, afinal acabam “pagando” no veículo um valor bem aquém do valor de mercado.

Furto de moto
Ladrões furtaram uma motocicleta Honda, cor preta, placa HCD-9862, rua Coronel Lane José Bernardes, Parque das Américas, às 20h de ontem. Detalhe: a vítima retirou o cabo que conecta a bateria e sem este acessório a motocicleta não funcionaria. Testemunha viu os ladrões empurrando a moto em direção ao posto de combustíveis Zote.


** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia
Fechar