JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 29 de julho de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Paiva SENTINELA 16/06/2021


Continua depois da publicidade


Pedinte é preso por tráfico e confessa usar dinheiro ganhado em semáforo para comprar drogas e revender

Juiz de Direito vai para UTI e advogado faz queixa na polícia
O advogado Gilberto Ferreira Ribeiro Junior, 42 anos, representando o juiz de Direito Nilson de Pádua Ribeiro Júnior, 46, registrou queixa na Polícia Civil contra a Unimed de Belo Horizonte. O registro policial foi lavrado às 21h50 desta terça-feira (15). Conforme o documento, o juiz de Direito da Comarca de Uberaba encontra-se internado no Hospital São Domingos, em tratamento da Covid-19, e na noite de terça-feira (15) houve uma piora em seu quadro clínico, havendo necessidade de transferência para UTI. Ainda conforme o documento, em Belo Horizonte o magistrado tem a cobertura do plano de saúde Unimed e foi combinado sua transferência para o Hospital Orizonti. O hospital reservou vaga na UTI e está à espera do juiz de Direito.
É aí que vem o problema. Houve uma piora no estado de saúde do magistrado e requer transferência com urgência para UTI do Hospital Orizonti e esta transferência tem que ser feita através de transporte aéreo médico, porém, por volta das 18h desta mesma terça-feira (15), a esposa do magistrado recebeu a informação da Associação dos Magistrados de Minas Gerais (Amagis) de que o referido transporte foi negado pela Unimed de Belo Horizonte. No final o advogado ressalta: “...a situação do paciente fora alterada, o que torna ainda mais imprescindível o referido transporte, uma vez que, a unidade receptora, fato público e notório, detém melhores condições de proceder aos cuidados do paciente, principalmente, diante da nova informação que o mesmo foi encaminhado à UTI, por volta das 21h desta terça-feira (15)”.
É inadmissível que um paciente tenha que recorrer ao Poder Judiciário em busca de um transporte aéreo em uma situação como a que se encontra o juiz de Direito Nilson de Pádua Ribeiro Júnior, mas parece que infelizmente vai ser necessário. Daqui fica nossa torcida e preces para que o magistrado se restabeleça o mais breve possível.

Furto de caminhão com sofás
Motorista de 47 anos tem caminhão carregado de sofás furtado, na avenida Santa Beatriz da Silva, Vila Santa Maria, às 4h desta quarta-feira (16). Segundo o motorista, é oriundo da cidade de Catanduva (SP) e estava em Uberaba para fazer entregas de sofás, sendo que, por volta das 19h de terça-feira (15), estacionou seu caminhão baú VW, cor branca, placas DSY-9581, próximo ao Shopping Uberaba e na madrugada desta quarta-feira percebeu o furto do caminhão com a carga. Além do caminhão, foram furtados lençóis, ferramentas, um sofá Infinit de cor marrom, uma poltrona cor cinza, um conjunto Fênix, um jogo Firenze de cor bege. No local tem câmeras de segurança, mas as imagens só poderão ser vistas durante o dia.

Dispensadas por justa causa
Duas mulheres, de 32 e 22 anos, fizeram queixa contra o Supermercado Bretas, avenida Doutor Fidelis Reis, região central de Uberaba, às 13h20 desta terça-feira (15). A queixa foi feita logo após descobrirem que foram dispensadas por justa causa. Segundo as moças, fizeram compras e ocorreu erro nos valores dos produtos adquiridos e que foram ouvidas e informaram que realizaram as compras e de imediato colocaram o cupom fiscal no bolso e que por descuido, não chegaram a conferir os valores dos produtos.

Pedinte compra crack para revender
Espero que todos entendam que o usuário de drogas não é simplesmente um dependente químico, um doente como defendem alguns. Ele alimenta uma cadeia de crimes e criminosos que começa justamente por ele. Basta dizer que sem o usuário não teríamos o traficante de drogas. E acredite: os crimes mais graves estão relacionados direta ou indiretamente ao tráfico de drogas. Por estas e muitas outras que sou terminantemente contra a doação de dinheiro ou compra de balas em semáforos. E hoje vou mostrar, mais uma vez, para onde vai o dinheiro de quem doa nos semáforos.




Continua depois da publicidade


A Polícia Militar prendeu um homem de 43 anos com sete pedras de crack, na rua João Pessoa, bairro Abadia, por volta das 8h30 desta terça-feira (15). Ele contou que comprou as pedras de crack com dinheiro que arrecadou nos semáforos e revende as drogas para outras pessoas. E quem contou isso foi o próprio pedinte.
Ele disse também que pagou R$50,00 pelas sete pedras de crack e iria revender por R$20,00 cada, totalizando assim R$140,00. Quem colaborou com dinheiro para esse cidadão é também, indiretamente, é claro, um pouco traficante de drogas, afinal está ajudando a manter o negócio (traficar drogas) deste homem.
Se quer ajudar, e muita gente precisa, doe comida pronta, pois tem traficante que recebe pagamento de drogas em roupas, sapatos e até cesta básica. Tem uma mulher na cidade que toda semana aparece nas redes sociais com nomes diferentes pedindo cesta básica, mas na verdade ela não precisa. Ela pega a cesta de alimentos e troca por cervejas ou maconha. Bom, o dinheiro é seu e faça o que quiser, mas por favor não alimente o crime ou criminosos, afinal a vítima pode ser você, sua filha, seu filho, esposa, mãe, pai...

Aposentada é encontrada morte
A Polícia Civil vai investigar a morte da aposentada Maria Aparecida Ferreira, 82 anos. O corpo foi encontrado na rua Cascavel, Jardim Metrópole, às 11h50 desta terça-feira (15). Ela morava sozinha e não era vista há pelo menos 8 dias. Uma testemunha informou que sentiu um odor muito forte, aglomeração de moscas e acionou a Polícia Militar. Foi necessário arrombar o cadeado do portão e a fechadura da porta da cozinha, onde a aposentada foi encontrada deitada na cama. O corpo já estava em avançado estado de putrefação. A Perícia Técnica da Polícia Civil esteve no local e fez imagens e recolheu informações e determinou que o corpo fosse encaminhado ao IML para exame detalhado de necropsia.

Pedras de crack na boca
Servidor geral de 45 anos esconde pedras de crack na boca para não ser preso pela Polícia Militar, rua Columbia, Residencial Estados Unidos, às 3h20 desta quarta-feira (16). Uma guarnição fazia patrulhamento, quando se deparou com o servidor geral. Foi feita a abordagem e encontrado em um dos bolsos da calça a quantia de R$14,00 em notas trocadas e na tentativa de explicar a procedência do dinheiro, foi percebido que estava falando meio enrolado. Foi verificado em sua boca e encontrado saco plástico contendo seis pedras de crack. Recebeu voz de prisão em flagrante e foi levado para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil.

Aprovado o plantão digital
O Projeto de Lei nº 802/2019, que visa criar o Plantão Digital, foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa. A proposta, de autoria do deputado estadual Delegado Heli Grilo (PSL), consiste no uso do sistema de videoconferência entre delegacias para formalizar o registro de infração penal ocorrida nos municípios. A matéria recebeu parecer de constitucionalidade e foi aprovada na forma do substitutivo nº 1, do relator deputado Bruno Engler (PRTB).

Empenhado
E por falar no deputado estadual Delegado Heli Grilo, ele está empenhado em garantir mais segurança à Ponte Alta com a instalação de um ponto de apoio da Polícia Militar na comunidade. Para discutir o assunto, o deputado e o vereador Professor Wander (PSC) estiveram reunidos com o comandante do 4ª Batalhão da Polícia Militar, tenente coronel Ismael Campos Júnior, o secretário de Defesa Social, Glorivan Bernardes, e o secretário executivo do Conselho de Segurança Pública, Alexandre Oliveira. Pelo andar da carruagem, agora a coisa anda. Para quem conhece o deputado Heli Grilo sabe bem como ela se empenha quando se compromete. A parceria com o vereador professor Wander pode render bons frutos.

Proposta do deputado Heli Grilo potencializa a investigação policial, garantindo segurança aos envolvidos e economia de tempo e dinheiro (Foto/Guilhermer Dardanhan)

Celular emprestado
Autônomo de 35 anos foi preso pela Polícia Militar após pedir celular emprestado e fugir, rua Bororós com rua Goitacazes, bairro São Benedito, madrugada desta quarta-feira (16). Conforme a vítima, um atendente de 26 anos, estava transitando a pé, quando foi abordado pelo autor. Os dois estavam conversando, sendo que em dado momento o autônomo pediu o aparelho celular do atendente emprestado. O celular foi desbloqueado e entregue ao autônomo que deu partida na motocicleta em que estava e fugiu levando o aparelho Samsung Galaxy J5 Pro. A Polícia Militar foi chamada e encontrou o autônomo. A princípio ele negou que tivesse furtado o celular, mas enquanto negava o aparelho escorregou por sua calça e caiu. Ainda na tentativa de se safar do crime pisou no aparelho, mas um dos policiais percebeu. Ele recebeu voz de prisão em flagrante. O atendente também disse que foi furtado um cartão alimentação, porém não foi encontrado. A moto utilizada no crime pelo autônomo, Honda 150 Titan, cor preta, placa HEY-3770 foi apreendida. O acusado foi encaminhado a Delegacia de Plantão da Polícia Civil e deixado à disposição da autoridade policial.

 


** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia