JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 20 de outubro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Roberto Moura - Ticha NO BICO DA CHANCA 12/10/2021


Continua depois da publicidade


USC x Araguari: Quase 50 anos depois, placar de 8 x 0 se repete no Uberabão

carlosticha@hotmail.com

Toinzinho em plena forma
 
 
Araguari de 1972
 

USC time invicto de 1972

TOQUE DE PRIMEIRA

Foi exatamente em 11 de novembro de 1972, em partida oficial pelo Torneio Classificatório, realizada no Uberabão, isso depois de um jogo pesado em Araguari, que o Uberaba SC completou praticamente um ano sem perder. Goleou o Araguari por 8 a 0, Toinzinho, ainda bem jovem, foi a estrela da competição e, principalmente desta partida, onde foi autor de quatro dos oito gols. Foi um jogo que marcou a alegria e confiança da torcida, desde então Toinzinho ganhou o apelido de “Garoto de Ouro”. Nesta partida, que teve uma renda de Cr$ 3.298,00, 822 pessoas pagaram ingresso. Ademir Vieira Matos; Joaquim H. Costa e Waldemar Firmo apitaram o duelo. Toinzinho fez quatro gols; Fabinho, dois, Naim e Marinho completaram a goleada. Os times estiveram assim escalados, USC: Adão, Belmar, Modesto, Veram e Grimaldi (Plinio), Zé Francisco e Fabinho, Dílson (Amaral), Naim, Toinzinho e Marinho. ARAGUARI: Vieira, Wagner, Marrom, Herbert e Gimenez, Zezito e Jonas, Ademar, Leno, Rubens e Texas. Foi um placar mais do que histórico, pois se tratava de um dos clássicos do Triângulo. Se passaram 49 anos, a façanha se repetiu, só que desta vez, o Galo da Comarca estava um pouco mais fragilizado. Pois bem, pelo certame Mineiro da Segunda Divisão, 5ª rodada, as duas equipes voltaram a se encontrar oficialmente e o placar foi repetido. O resultado de 8 a 0 voltou a massagear o ego da torcida, isso não importa se o time da cidade sorriso é fraco ou se jogou mal, o importante foi a marca que registrou o mesmo placar de quase cinco décadas atrás. Coincidência? Desta vez feita por Paulo Henrique, que foi autor de três gols; Clemente, William Motoca, Martinelli, João Pedro, Stuart marcaram os gols do jogo. USC jogou assim: Elzo; Douglas Pelé, Martinelli, Zé Leandro e Samuel; Marcio Adriano (Lídio); Jefferson (Rafael Garcia) e Wallace (João Pedro); William Mococa (Ruam), Paulo Henrique e Clemente (Stuart). Tec.: Bruno Barros. ARAGUARI: Alef, Felipe, Alan, Kleberson (Rafael) e Renan (Luiz Fernando), Jean, David e Gabriel Pereira, William, Pernambuco (Jonatas) e Peterson (Caio). Tec.: Huberlan Queiroz. A cada 50 anos o mundo da bola surpreende nas suas histórias. Este é um relato para ficar gravado. Mas, a história foi feita para ser contada, não importa o tempo que passe. Parabéns aos protagonistas destes duelos. É história de quem escreveu dentro das quatro linhas. Recordar é viver.

PH artilheiro do domingo

MOTO ZEMA tem a moto de seus sonhos. Peças, serviços, acessórios e qualidade no atendimento. Avenida Guilherme Ferreira, 795 – fone: 3318-3600. Visite nosso showroom e realize seu sonho. Inspeção gratuita de 21 itens. Fácil comprar.

CANELADAS

O mundo da bola sempre surpreendendo: No domingo, na Vila Belmiro, torcedor esparramou “Sal Grosso” sobre a cabine do VAR. Só não se sabe se foi para tirar a “zique-zira”, ou para deixar o PEIXE SALGADO...? Deu sorte, pois foi o Felipão que acabou se engasgando com o espinho...

Papo na arquibancada do Uberabão:

--- Por que o treinador colocou João Pedro Sabonete em campo?

--- Acredito que foi para o banho ficar mais espumoso e cheiroso...

Atendimento hospitalar:

--- O goleiro Alef do Araguari saiu do estádio com fortes dores na coluna.

--- O que aconteceu?

--- Foi de tanto se agachar para buscar a bola no fundo da rede...

Karrapixo vai a consulta e:




Continua depois da publicidade


--- Doutor, estou numa amnesia terrível.

--- Desde quando?

--- Desde quando o que doutor?

ESTEIO Materiais para Construções é o caminho certo. Avenida José Maria Reis, 310 – fone: 3338-8444. Da base ao acabamento, ESTEIO nome sólido em construção. Fale com Nadir, Oscar, Diego ou Larissa. Construa com qualidade. 38 anos no mercado com os melhores preços. Venha tomar um café conosco. WhatsApp 9.9250-8444.

BOLA DE MEIA

Galiardo pediu para sair do USC e foi logo atendido. Ele não foi dispensado, mas causa foi por exigência do atleta em querer ser titular nos jogos. A Comissão Técnica não acatou o pedido, e o bom jogador acabou deixando o Colorado. Esse não deu certo.

O que vem chamando atenção nos jogos da “Segundona” é o equilíbrio dos Grupos. No “A” a matemática está equilibrada: Varginha e Santarritense tem 7 pontos cada; Poços de Caldas e Atlético-TO estão com 6 pontos; qualquer tropeço, um fica para trás.

O Grupo B, que pertence ao USC, o time Colorado está na frente, mas com o mesmo número de pontos do Araxá. Patrocinense está com 5 pontos, e o Inter de Minas vem com quatro. Nota-se quem ninguém tem folga. Vai ser difícil se deslanchar.

O Grupo C, Boston City está na frente e soma 9 pontos. Fugando no seu cangote tem América-TO e Contagem. Manchester, na quarta colocação tem 5 pontinhos. Por outro lado; Figueirense (1), Araguari (2) e Betim (0), ainda não acordaram para realidade.

Na rodada de ida das quartas de final do Brasileiro da Série “D”, só um time venceu, e foi a Aparecidense diante do Uberlândia por 1 a 0. Agora, mais uma vez o Verdão vai ter que tirar a diferença fora de casa. Ferroviária tem bagagem para chegar à semifinal.

O Brasileirão da Série “B”, continua com jogos complicados, campeonato que parece não ter favoritos. Vejam a situação de Guarani e Vasco, times que avançam depois sente o impacto. Botafogo está embalado, mas hoje pode sentir o drama contra o Cruzeiro.

Brasileirão “A”, é outro que está bem complicado, isso para os dezenove clubes, pois o Atlético-MG, imbatível, tem tudo para ser disparado o campeão-21. Acredito que a briga mesmo vai ser pelas conquistas das vagas da Libertadores e Sul Americana.

A classificação do segundo até o décimo colocado a diferença é poucos pontos. É que faz apertar a situação de alguns clubes, que podem perder no momento errado. A briga na parte de baixo está cheia de emoção Santos, Grêmio e Sport mostraram isso.

Sinceramente, a cabeça do técnico Tite tem que evoluir. Travou e não pode continuar desta forma. O brasileiro já não tem mais aquele entusiasmo para acompanhar as partidas. Contra a Colômbia vimos um time apático e com Neymar fora de forma.

Aquela goleada gigantesca do Uberaba SC sobre o Araguari, certamente entra para a história do futebol do Triangulo. Por ironia do destino, outra goleada com muitos gols já foi vista em 1972 entre as duas equipes, no Uberabão. É a marca de 49 anos atrás.

A goleada impetrada pelo USC pra cima do Araguari marcou mais pelo entusiasmo do torcedor, que depois de quase dois anos sem comparecer ao estádio, não imaginária ver seu time golear. Se o adversário foi fraco, não importa, o que conta é a evolução coletiva do time. TRAVA.

TA CONFECÇÕES – Há 24 anos no mercado brasileiro com absoluto sucesso. Uniformes profissionais, escolares e promocionais. TA qualidade profissional. Av. Leopoldino de Oliveira, 2084. Telefone: 3338-3050. Faça-nos uma visita.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia