JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 16 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 17/09/2019

Divulgação

Deu o maior ibope a inauguração do Bicicletário Unimed Uberaba, na manhã de domingo, no Parque Fernando Costa. Presidentes Wilson Adriano e Arnaldo Manuel, da Unimed Uberaba e ABCZ, respectivamente, receberam dezenas de ciclistas para estrear as bicicletas, incluindo o prefeito Paulo Piau e secretários.

Tiro pela culatra
Ao dar a “batida” no Centro de Zoonoses na manhã dessa segunda-feira, o vereador Thiago Mariscal e seus assessores, juntamente com o deputado federal André Janones, não esperavam encontrar mais de 100 mil seringas e medicamentos vencidos justamente no governo municipal passado. Por óbvio que, ao receberem a denúncia, eles imaginaram tratar-se de medicamentos vencidos no governo Paulo Piau, ao qual fazem oposição. Não poderiam imaginar essa surpresa.

Foi mal
Nos vídeos postados pelo vereador Mariscal nas redes sociais fica evidente o desconforto dele ao mostrar as caixas de produtos vencidos antes da posse de Paulo Piau como prefeito. Tanto assim que Mariscal só falava que os medicamentos estavam vencidos, mas não mostrava as respectivas datas de vencimento. É claro que não se pode incorrer no erro de dizer que esses materiais foram escondidos no governo de Anderson Adauto, muito menos apontar com certeza quem praticou essa sandice ou com qual propósito. Tudo isso agora merece ser apurado e trazido ao conhecimento público, tão logo concluídas as investigações.

No lixo!
Verdadeiro absurdo o volume de medicamentos, seringas e outros produtos que poderiam ter sido disponibilizados à população. No caso dos medicamentos de uso veterinário que estavam escondidos no alçapão do Centro de Zoonoses, seriam de grande valia para os animais de rua, muitos dos quais recolhidos a abrigos mantidos pela iniciativa privada, especialmente pela Supra. Por baixo, estima-se que os produtos vencidos custariam algo em torno de R$300 mil. Ou seja: dinheiro público jogado no lixo!

Como assim?
Acredite, se quiser: até capacetes para motociclistas foram escondidos nesse alçapão do Zoonoses. Obviamente eles seriam destinados ao uso dos agentes de endemias, condutores dos veículos de motofog. Por qual razão foram escondidos, se estavam novinhos? Quem os escondeu pretendia voltar lá para furtá-los? Ou fez isso por maldade apenas?

No chão
A segunda-feira não foi um dia de sorte para o vereador Mariscal. Além da surpresa de encontrar medicamentos escondidos num alçapão do Zoonoses justamente durante o governo de seu aliado Anderson Adauto, Mariscal tomou um tombo que lhe valeu costela quebrada. Isso porque ele subiu no forro do prédio, acreditando estar pisando em laje, quando na verdade era gesso. E Mariscal despencou lá de cima.

Frente ampla
No fim de semana, o ex-prefeito Anderson Adauto divulgou em grupos de WhatsApp que está liderando uma ampla frente de oposição ao governo Paulo Piau. Citou, entre outros integrantes da frente, os nomes dos vereadores Thiago Mariscal e Kaká Carneiro, além do ex-deputado federal Aelton Freitas. Agora deve estar de cabelos em pé com seus aliados, ou pelo menos com o aliado Mariscal...

Bye-bye
Maior liderança do Partidão em Uberaba, Sumayra Oliveira está deixando o PCdoB. Pelas redes sociais, ela informou sua desfiliação, ao mesmo tempo que declarou seu apoio à frente ampla de oposição liderada por Anderson Adauto. Vale destacar que Sumayra Oliveira foi presidente da Fundação Cultural de Uberaba no governo Paulo Piau, tendo deixado o cargo contrariada.

Meio ambiente
Vice-prefeito João Gilberto Ripposati fala sobre meio ambiente hoje a equipes de 19 Prefeituras, durante reunião promovida pela Feam, em Belo Horizonte. Palestra decorre de convite feito a ele pela Fundação Estadual do Meio Ambiente, que promove esse evento para discutir questões relacionadas também à coleta seletiva.

Solução caseira
Clube Sírio Libanês poderá se tornar a sede da Feti. Negociação com a Prefeitura foi anunciada na noite passada, envolvendo a cifra de R$5 milhões. A concretização, porém, vai depender de aval da Câmara de Vereadores, mas é só questão de mera formalidade. Não é de hoje que o prédio do clube, na rua Major Eustáquio, desafia uma solução para os incontáveis problemas decorrentes do abandono em que se encontra. Mato, sujeira, ocupação por moradores de rua são alguns deles. Agora, pelo menos, o prédio poderá voltar a ter utilidade, mesmo que sua destinação seja totalmente diferente daquela que motivou sua construção e que a notabilizou como um clube de grandes eventos em Uberaba.

Na bronca
Sabe uma medida que desagrada a todos? Pois essa medida foi a interdição da rua Major Eustáquio na manhã de sábado, dia de pico de movimento para o comércio de rua. Embora desta vez as obras de drenagem tenham sido sinalizadas, assim como destacados agentes de trânsito para prestar informações aos motoristas sobre rotas alternativas, não houve quem não reclamasse da escolha do sábado para essa interdição. O trecho interditado complicou o trânsito no bairro São Benedito e atrapalhou o movimento do comércio, sem necessidade. 

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia