JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 24 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Roberto Moura - Ticha NO BICO DA CHANCA 18/12/2021



Os torcedores colorados torcem pelo resultado de seis anos atrás

TOQUE DE PRIMEIRA
Aconteceu em 2015. Pode ter repeteco? A torcida do Colorado acredita que tem tudo para fazer a festa do bicampeonato da Segundona. Tá certo que o objetivo já foi alcançado: acesso ao modulo II. Foi uma vibração total, festa dos torcedores e jogadores, diretoria emocionada e muita alegria, é claro tudo isso faz parte de conquistas. Uberaba SC decide está tarde o título da competição e encara o VEC, time forte, competente e vem com a vantagem de jogar pelo empate. Agora é bom lembrar, o Zebu já passou por situação igual, isso foi em 2015, mesmo com a classificação garantida, precisava de um pontinho para ser campeão. Naquela oportunidade, o adversário era nada mais do que o bom time do Nacional. O clássico Uber-Nal anunciava muita emoção, e não deu outra: foi do começo ao fim. Naquela oportunidade, o acesso estava garantido, só faltava o título. O Nacional que ainda tinha chances, jogou para ganhar e saiu na frente com um gol de cabeça anotado pelo Dalmo. Mas foi no finalzinho, que Rudimar, com gol de pênalti, fez o empate e garantiu o título inédito para o USC. Infelizmente, com esse resultado o Nacional não conseguiu sua classificação. Uberaba SC campeão. Foi um momento espetacular na trajetória do Zebu. Os detalhes passados pelo Jamilton Souza foram esses: Uberaba 1 x 1 Nacional; Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, estádio Uberabão; público pagante: 2002; renda R$ 18.300,00. A arbitragem foi Flavio Henrique Coutinho; Felipe Alan Costa de Oliveira, Magno Arantes Lira e Luiz Carlos Brum (vai trabalhar no jogo desta tarde). UBERABA: Giulliano; Lito, Pedrão, André Alves e Henrique (Fayllon); Guilherme, Pixote (Chitão) e Thiago Cesar; Rudimar e Pedro Augusto. Tec.: Wantuil Rodrigues. NACIONAL: Cleisson; Felipinho, Reginaldo, Matheus e Lucas; Tôto; Val (Pikachu), Léo Mineiro e Marquinhos; Léo Porto (Luizinho) e Dalmo. Tec.: Léo Goiano. Foi um jogão de bola. Portanto, tudo pode se repetir esta tarde, para isso, basta o USC vencer a partida por qualquer placar. Vai enfrentar um time bem armado, mas as condições de vitória do Zebu são eminentes, pois o time é bom, joga em casa diante de sua fanática torcida. É uma equipe determinada que vem correspondendo dentro de campo. Então, é bom preparar o coração colorado para as emoções de logo mais. Recordar é viver, depois de seis anos a explosão de alegria da torcida pode se repetir. É aguardar para carimbar mais um título. Certamente, a diretoria, comissão técnica e os jogadores entram definitivamente para a história do clube.


A torcida fez a diferença


Rudimar pro gol do USC

MOTO ZEMA tem a moto de seus sonhos. Peças, serviços, acessórios e qualidade no atendimento. Avenida Guilherme Ferreira, 795 – fone: 3318-3600. Visite nosso showroom e realize seu sonho. Inspeção gratuita de 21 itens. Fácil comprar.

CANELADAS

O goleiro Everson, do Atlético fez um campeonato espetacular e com defesas incríveis. É sempre assim: Galo, digo time que tem bom goleiro não cai do POLEIRO...

Diz o ditado popular que a ordem dos fatores não altera o produto. Karrapixo afirma que é puro engano e diz:
--- Durma hoje com Maria José e amanhã com José Maria. Você irá notar facilmente a diferença...

Essa tem lógica:
“Quem com ferro fere, é porque não sabe passar roupa”.

Um analista do futebol dos tempos modernos chegou à seguinte conclusão ou aberração: o corte de cabelo do jogador chama mais atenção do que seu futebol e a camisa do clube...

ESTEIO Materiais para Construções é o caminho certo. Avenida José Maria Reis, 310 – fone: 3338-8444. Da base ao acabamento, ESTEIO nome sólido em construção. Fale com Nadir, Oscar, Diego ou Larissa. Construa com qualidade. 38 anos no mercado com os melhores preços. Venha tomar um café conosco. WhatsApp 9.9250-8444.

BOLA DE MEIA
O mercado da bola vem sendo movimentado pelos clubes do Brasil. Contratações são anunciadas e o torcedor fica naquela ansiedade e torcendo para que as contrações sejam pontuais. O Fluminense fechou com Felipe Melo, William Bigode e Abelão.




Continua depois da publicidade


No jogo da última quarta-feira em Varginha, foi claramente notado que foi sentida a falta do atacante Paulo Henrique, que foi jogar no Vietnã. Em campo, os jogadores não se encaixaram no novo esquema tático. Hoje, Clemente pode jogar e produzir melhor.
Falar a verdade, os diretores do Flamengo, Marcos Braz e Spindel são fracos. Quando encarnam em um nome para ser levado ao Flamengo chegam até perder a cabeça, mas na verdade só acertaram na do Jorge Jesus. Jogadores, todos deram xabú.
Leila Pereira, toda feliz, agora como presidente do Palmeiras e fazendo o que gosta, promete três presentes de Natal para o Verdão. Vem bomba aí. Antes disso ela renovou o contrato com Abel Pereira, que na verdade é um treinador que ganhou duas Libertadores.
Pelo Pré-Mirim, fechando o segundo turno, o Independente vencendo ou empatando com o Vila Nova coloca a mão na taça. No Mirim, Fabricio e Independente decidem o título da categoria. O primeiro duelo ficou no empate em um tento. IAC tem vantagem.
Outra final fica por conta de Uberaba e Ipiranga que decidem o título do Infantil. Bom duelo. No Juvenil, a equipe do Fabricio goleou o Pinheiros por 5 a 0. Amanhã, pode levantar o troféu. No Amador, IAC e São Bené tem vantagem e podem fazer a final.
No Máster, está tudo igual. Esta tarde, os finalistas serão conhecidos. Na primeira rodada houve empates. E no Sênior, quem vai passar? Independente; Fabricio, Madureira e Pinheiros duelam em busca da vaga na final. Pinheiros está na frente do Leão.
Para o duelo desta tarde contra o Varginha, jogo que vale o título, o Colorado tem dois desfalques. O goleiro Lucão deixou o USC e voltou para seu time de origem. Elzo volta para gol. Martinelli é outro que não se recuperou, João Vitor vai ser mantido.
Não conheço o trabalho de arbitragem de Andreza Helena Siqueira, que vai substituir João Luiz Gomes Neto. É muita responsabilidade para uma decisão, vamos torcer para ela fazer um trabalho. Agora, este João Luiz gosta de aparecer mais do que o jogo.
Vamos torcer para que o nosso Colorado jogue bem, que Ingro e Motoca se desencantem, aliás Ingro não anda fazendo gols, talvez estejam guardados para hoje. Só espero que o USC não enrole o jogo como fez em Varginha. É jogar rápido e objetivo.
Na verdade, vamos esperar um grande jogo. USC está bem, mas enfrenta uma equipe organizada e surpreendente. É preciso atenção e pegada na marcação e ser letal nas jogadas de ataque. A torcida vai marcar presença e jogar junto com os jogadores. TRAVA.
TA CONFECÇÕES – Há 24 anos no mercado brasileiro com absoluto sucesso. Uniformes profissionais, escolares e promocionais. TA qualidade profissional. Av. Leopoldino de Oliveira, 2084. Telefone: 3338-3050. Faça-nos uma visita.
 


** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia