JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 21 de junho de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Roberto Moura - Ticha NO BICO DA CHANCA 13/05/2021


Continua depois da publicidade


Em memória de Camilo, um dos grandes atacantes do Independente

carlosticha@hotmail.com

Rogerinho com seu pai Camilo

Amador do Independente de 1981

TOQUE DE PRIMEIRA

O assunto de hoje, contando a história deste amador do Independente não estava na pauta da coluna, mas como homenagem ao Camilo, que veio a falecer na segunda-feira (10), senti na obrigação de escrever algumas linhas a respeito dele e, também do amador do Azulão de 1981. Foi um time mesclado de jovens, aliás, tinha mais jogadores novos do que veteranos. O time, apesar de ter alguns craques não conseguiu fazer muito no certame da Liga Uberabense de Futebol. Não sei, mas a foto inicia-se com Tony Miranda; sinceramente, não sei se estava na foto como treinador ou para dar aquela força ao grupo. Vem o zagueiro Braz, que jogava muita bola, e foi jogar no profissional do Nacional. Ademar, goleiro tranquilo, seguro e firme, que atravessava ótima fase. Mosquito sempre presente no IAC. Bené; outro cara que foi bom de bola, difícil passar por ele. Eumar, que nos deixou a pouco tempo, era um lateral que jogava fácil e batia bem na bola. Robertinho, ainda garoto com 17 anos jogava no Juvenil, mas gostava de vestir a camisa 6, do amador. O velho Durval, que mesmo no plano celestial continua torcendo pelo seu clube do coração. O Velho Cebinho fazia parte da comissão técnica, mas sempre jogou e nunca esqueceu do time da camisa azul. Naquela época, até mascote tinha: vemos o Baianinho marcando presença. Hideraldo, as vezes era escalado na lateral. Aí vem o nosso homenageado CAMILO, que atuava no ataque. Além de rompedor era técnico e concluía bem para o gol. Foi um cara de alto nível, sujeito que todos gostavam, não só dentro de campo, mas também fora dele. Vem o Marcelinho, jogador que disputava o jogo com vontade, era outro jovem de 19 anos, que marcava presença. O craque Guina, na plenitude de seus 20 anos já jogava o fino da bola. Clássico, técnico e goleador. Passarinho foi outro que jogou e marcou presença na posição e marcava bem. Danilo batia bem na bola. Ivinho, o garoto de 18 anos jogava fácil e com perfeição a bola gostava dele: tinha uma esquerdinha de ouro. Alguns amigos que estavam na foto já partiram, mas a saudade sempre fica apertando o peito de cada um. Agora foi a vez de Camilo, de 65 anos, pai do craque Rogerinho que começou no time da rua Oswaldo Cruz, e anda vem fazendo sucesso na Grécia. Camilo marcou seu nome na história do nosso Independente AC, agora e a vez do Sênior, lá no céu.  Seus irmãos Fidelis e Nicomedes também jogaram no “Azulão do Bairro Yanque”.

MOTO ZEMA tem a moto de seus sonhos. Peças, serviços, acessórios e qualidade no atendimento. Avenida Guilherme Ferreira, 795 – fone: 3318-3600. Visite nosso showroom e realize seu sonho. Inspeção gratuita de 21 itens. Fácil comprar.

CANELADAS

Sujeito cheio de gracinha chegou na roda do mulheril e perguntou:

--- Como é que a virgem dorme?

Como nenhuma delas respondeu, ele chegou firme:

--- Já esqueceram né?  

Filosofia de porta de cadeia:

“Ladrão que rouba ladrão, não tem ética profissional”.    

Papo de amigos no Shopping:

--- Sua mulher é estrangeira?

--- Não, é dessas comuns mesmo!




Continua depois da publicidade


Como é bom fazer pergunta para a pessoa certa.

--- Karrapixo, você sabe qual é o maior olho do mundo?

--- É o do mineiro: porque toda vez que cai um cisco no seu olho, ele fala: “Caiu um trem no olho”.       

ESTEIO Materiais para Construções é o caminho certo. Avenida José Maria Reis, 310 – fone: 3338-8444. Da base ao acabamento, ESTEIO nome sólido em construção. Fale com Nadir, Oscar, Diego ou Larissa. Construa com qualidade. 38 anos no mercado com os melhores preços. Venha tomar um café conosco. WhatsApp 9.9250-8444. 

BOLA DE MEIA

Na terça-feira, no Chile, o Flamengo teve a maior posse de bola, mas não teve o resultado. Quem tem uma defesa igual aquela do Mengão é sofrer eternamente. Facilita em demasia para os adversários. No jogo contra o La Calera foi um mamão com mel.

O ataque perdeu várias oportunidades. Arrascaeta não esteve no seu melhor dia, Gabigol perdeu dois gols feitos e o Pedro acompanhou. Agora, Bruno Henrique precisa de tomar Ivermectina, O cara tá numa moleza que não dá para engolir. Será lombriga?  

Santos e Palmeiras e se deram bem e venceram seus compromissos. O Peixe volta a viver e o Verdão mantém os 100% na Libertadores. Na Sula, Athletico/PR e Bragantino também venceram seus jogos, com isso voltam a respirar e sonhar com a classificação.

Quem vai indo bem no Paulistão é o Corinthians. O time de Mancine goleou a Inter de Limeira e com sobra, está na semifinal. Hoje, quem decide a sorte é Mirassol x Guarani. Quem vencer passa a semifinal. Neste duelo caipira o Mirassol é melhor.      

Como sempre, achei que goleiro para ser escalado deve estar bem-preparado para “agarrar” as bolas. Mas tudo está ficando estranho: O técnico prefere colocar no gol aquele que sabe jogar com os pés. Durma-se com um barulho desses. É cada uma.

Os clubes do nosso Brasil varonil, Atlético-GO e Ceará entraram em campo para jogar contra Palestino e Arsenal Sarandi. Esta noite é a vez de Bahia enfrentar o Desportivo Guabira. O Grêmio, em casa, enfrenta o Lanus. Corinthians pega o Penarol.

Ainda na noite de ontem, os tricolores de sucesso: São Paulo jogou contra o Rentistas, acredito que o time de Daniel Alves conseguiu seu intento. No Maracanã, o bom time do Fluminense encarou o Santa Fé. Algo me diz que conseguiram vencer.

O atacante Saldanha, que começou sua história no Bahia, nos seus primeiros jogos pelo campeonato japonês, começou a deixar a sua marca. Pra quem tem a memória curta Saldanha é filho do ex-atacante Gilberto Saldanha. Sucesso para o garoto de 22 anos.

Proprietários e professores das escolinhas de futebol da cidade estão revoltados com o sistema. Nas pracinhas, campinhos de futebol dos bairros as “peladas” estão a toda. Agora, o trabalho profissional deles estão embargados pelo decreto. Estão ficando sem recursos. Será que tem solução?

Volto a repetir, mas vejo colegas da imprensa fazendo elogios gigantes ao Flamengo e seus jogadores, mas as coisas não assim. Por ali tem alguns bons de bola, no coletivo. Agora, o setor defensivo anda patinando mais do que carro atolado no brejo.

A gente anda imaginando o que é o futebol moderno que atua mais na base da tática e preparação física, É uma evolução boa. Agora, enaltecer Gabigol dizendo que ele bateu a marca de Pelé e celebra recorde de Zico, tudo bem, mas não tem comparação. Pelé foi o maior do mundo e Zico supercraque. Ambos jogavam menos da metade dos jogos que atualmente são disputados nos vários torneios e campeonatos. Vamos com calma. TRAVA.         

TA CONFECÇÕES – Há 24 anos no mercado brasileiro com absoluto sucesso. Uniformes profissionais, escolares e promocionais. TA qualidade profissional. Av. Leopoldino de Oliveira, 2084. Telefone: 3338-3050. Faça-nos uma visita.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia