JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 21 de janeiro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Carlos Roberto Moura - Ticha NO BICO DA CHANCA 03/12/2020


Continua depois da publicidade


Coluna no Bico da Chanca: Ferroviária, o destaque do interior

carlosticha@hotmail.com

Na foto, o timaço da Ferroviária da década de 60 com Dudu e Bazani

TOQUE DE PRIMEIRA

Em todo estado brasileiro sempre aparece um clube do interior que se destaca no campeonato estadual. Pena que se garante por pouco tempo. Em São Paulo, o Santos é diferente, sempre fez a diferença, mas, Guarani e Ponte Preta de Campinas, Botafogo, Comercial, Bragantino, Internacional de Limeira sempre deram as caras mostrando futebol e conseguindo até títulos. A atual fase é do time de Bragança Paulista. Em Santa Catarina atualmente a Chapecoense é o grande nome. No Rio de Janeiro, ninguém se segura; faz tempo que não aparece um time do interior botando bronca. Em Goiás faz tempo que não aparece um Crac de Catalão. Aqui, nas Minas Gerais, o interior sempre foi presente com Uberlândia, Uberaba SC, Caldense, Villa Nova, Valério, Ipatinga e Siderúrgica (lembram-se desse time?). A briga sempre seguiu com a presença do interior. Nos dias de hoje, a Tombense vem se destacando e como aconteceu este ano, até decide título. Mas a força do futebol do Interior está complicada, se não for um time formado e patrocinado por fortes empresários a coisa não flui e os clubes da capital deitam e rolam. Na década de 60, no interior paulista, ou propriamente a Ferroviária de Araraquara encantou o futebol. Conseguiu montar um timaço que fez frente aos grandes. O time de Dudu, Bazani, Maritaca, Beni e outros cobras excursionou por tudo país e até mesmo no exterior. Na época de ouro jogou três amistosos contra Uberaba SC e Independente AC. Contra o Colorado, dois empates, mas com o Independente, o Azulão do Bairro Yanque, a coisa foi diferente. Com casa cheia e grande exibição, o time de Jarbas Cury e Normandes, com grande atuação de Nena, derrotou o time paulista. A Ferroviária de Araraquara escreveu linda história no futebol brasileiro.

MOTO ZEMA tem a moto de seus sonhos. Peças, serviços, acessórios e qualidade no atendimento. Avenida Guilherme Ferreira, 795 – fone: 3318-3600. Visite nosso showroom e realize seu sonho. Inspeção gratuita de 21 itens. Fácil comprar.

CANELADAS

Os jogadores de defesa do Flamengo comentam sobre o “doping”, e um deles, um autêntico perna-de-pau mandou essa:

--- Eu não temo droga nenhuma para jogar, já sou uma droga...

No Bar do Lagoa:

--- Qual é a diferença entre tragédia e desastre?

--- Tragédia é quando um navio de políticos corruptos afunda. Desastre é quando todos sabem nadar...  

Quando fazia o curso de “madureza”, o professor pediu aos alunos que escrevessem uma composição sobre futebol. Um minuto depois, Karrapixo entregou sua redação:

--- Jogo adiado por motivo de chuva...     

Uma moça bem feita de corpo foi despedida do emprego porque usava calça-justa. Moral: Essa foi a primeira vez no Brasil, que alguém é despedido do emprego por “justa-calça” ...    




Continua depois da publicidade

ESTEIO Materiais para Construções é o caminho certo. Avenida José Maria Reis, 310 – fone: 3338-8444. Da base ao acabamento, ESTEIO nome sólido em construção. Fale com Nadir, Oscar, Diego ou Larissa. Construa com qualidade. 37 anos no mercado com os melhores preços. Venha tomar um café conosco. WhatsApp 9.9250-8444.

BOLA DE MEIA

Depois de conquistar, a Recopa, Supercopa e o Carioca, as coisas pelo lado do futebol do Flamengo caíram vertiginosamente. Tudo começou com a saída do lateral Rafinha e a chegada do aprendiz de técnico Domènec Torrent, este parece ser o fator principal.        

Toque de Primeira, a biografia do craque deste sábado, 05 de dezembro das 12h às13horas, pela JM 95.5, FM. Assunto: USC x Poços de Caldas. Tulio Silva.    

O momento do Flamengo não foi propicio para a chegada do Rogerio Ceni. É um treinador competente, mas tudo poderia ser diferente, como, por exemplo, outra época. Um treinador que manda e comanda seria o essencial, mas competência da direção.

E por falar em direção, na verdade, ninguém da diretoria do rubro-negro está falando a mesma língua. Principalmente aqueles que andam desfazendo da capacidade de alguns jogadores, o que vem afetando todo elenco. Como dizia o Sabino: “Quem num trabaia num atrapaia”. É a pura verdade. Como odeio vaidade e falta de conhecimento.

O bom é que o Bahia conseguiu sua classificação nas quartas de final da Sul Americana. Santos, foi outro que continua na Libertadores. A esperança de ter mais brasileiros nos torneios fica por conta de Vaco, Internacional, Grêmio e Palmeiras.  

Essa semana é a mais séria e tomara que seja eficaz para o Uberaba SC. É preparar de maneira positiva, pois uma vitória sábado diante do Poços de Caldas deixa o Colorado em primeiro na classificação. Matemática que pode favorecer no hexagonal.

Naquilo que o presidente Rui Tryda explanou durante o programa JM Esportes e na minha Live, deu para entender um projeto pés no chão. Isso é bom, pois a vaidade fica a margem dos acontecimentos. Mas ele o clube pode confiar e contar com a sua torcida.

Neto Masson e Alemãozinho estão com o projeto Centro de Excelência A10-N4, que vem colhendo frutos no torneio promovido pela Funel. Com jogos no “JK”. É uma vitória atrás da outra. São jovens que estão sendo preparados para vestir a camisa do USC.  

O Colorado joga no próximo sábado e depois fica 32 dias sem jogos oficiais. Neste intervalo, que vai até 09 de janeiro/21, a preparação vai ser apenas físicos e técnicos. Neste intervalo, amistosos podem ser difíceis de contratar. Vai se acostumando, vai...    

Eu acredito que o técnico Paulo Cesar Catanoce pode até não mexer na escalação, mas uma coisa é certa: a maneira de jogar pode ter outras linhas traçadas. Buscar alternativas ofensivas é uma delas. A experiencia de alguns jogadores pode fazer a diferença.    

Com Diego; Murilo, Edson, Rogerio e Bahia; tudo certo, pois estão correspondendo. A meiúca tem que ser mais criativa e agressiva na marcação. Como eu disse antes: a torcida espera um pouco mais do atacante Felipe Alves. Gols é preciso. TRAVA.       

TA CONFECÇÕES – Há 23 anos no mercado brasileiro com absoluto sucesso. Uniformes profissionais, escolares e promocionais. TA qualidade profissional. Av. Leopoldino de Oliveira, 2084. Telefone: 3338-3050. Faça-nos uma visita.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia