JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 24 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 19/01/2022



Prefeitura vai contratar empresa duvidosa para merenda escolar

PÉSSIMA SOLUÇÃO
Prefeitura não vai recorrer da decisão liminar que permitiu, em caráter precário, a contratação da empresa Soluções Serviços Terceirizados para o fornecimento de merenda escolar nas escolas municipais. Questionada sobre o assunto, a Secretaria de Educação respondeu, em nota, o seguinte: “a liminar será cumprida, considerando a exclusão, perante o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, da penalidade que impedia a empresa de contratar com a administração pública. Eventual discussão judicial poderia inviabilizar a prestação do serviço a tempo do início do período letivo. A Secretaria de Educação vai compor uma comissão para fiscalizar o cumprimento do contrato”.

PLANO B
Na verdade, a Secretaria de Educação está acatando essa liminar - sem ao menos tentar reverter a decisão - porque não tem um Plano B para o fornecimento de merenda escolar. Está com a corda no pescoço, já que o início do ano está próximo. A Secretaria apostou todas as suas fichas nessa contratação emergencial, pelo menor preço, confiando que tudo correria às mil maravilhas. E não foi bem assim. A tal Soluções está enrolada numa série de escândalos, conforme esta coluna alertou exaustivamente nas últimas semanas. Por isso, está claro também que faltou experiência, e talvez malícia, para lidar com essas questões intrincadas das contratações pelo Poder Público, sejam emergenciais, sejam com prazo estabelecido em editais de licitação. Deu no que deu. O governo municipal vai contratar às pressas uma empresa de passado pouco recomendável. E terá de rezar para não se envolver num novo escândalo, arrastado pela tal Soluções.
Tomara que ao final dos seis meses, o governo não chegue à conclusão de que teria sido melhor prorrogar o contrato com a Nutriplus…

SOCORRO!
Se minha avó fosse viva, diria: “Onde vamos parar?” Boletim epidemiológico desta quarta-feira traz a impressionante marca de 1.416 casos novos de Covid registrados em 24 horas na cidade. Chegamos ao assustador número de 8.615 casos ativos, simultaneamente. Embora não esteja registrado no boletim oficial, comenta-se que 47% dos casos testados nesta quarta-feira foram positivos. Isso mostra o quanto essa variante ômicron é contagiosa, mas também que a população ainda não se deu conta do perigo de contrair a Covid nesta nova onda da doença e tem negligenciado os cuidados com o uso correto da máscara facial e com a higienização das mãos.

VEZ DO EVENTOS
Apesar dos números crescentes dos casos de Covid na cidade, o governo municipal houve por bem flexibilizar a realização de eventos com até 200 pessoas, mediante o cumprimento de regras específicas. O novo decreto publicado nesta quarta-feira permite a realização de eventos corporativos, festas familiares e sociais, leilões, formaturas, colação de grau com até 60% da capacidade do local, limitados, porém, a 200 pessoas no máximo, incluindo a equipe de cerimonial e demais prestadores de serviço do evento. Ou seja, as 200 pessoas deverão incluir os garçons, os fotógrafos e os convidados. Pista de dança está proibida, em que pese a tradição da valsa dos formandos, assim como consumo de alimentos e bebidas em pé. As mesas, no caso, poderão ter no máximo 6 pessoas, com distanciamento de 1,5 metro entre uma e outra. Cá entre nós: é melhor do que nada!

RECOMENDAÇÕES
O decreto desta quarta-feira não impõe medidas sanitárias para a realização de eventos, mas recomenda que os participantes façam o teste rápido com até 24 horas de antecedência, assim como apresentem o comprovante de vacinação.

SURTOS E MAIS SURTOS
Vigilância Epidemiológica interditou a loja das Casas Bahia no centro da cidade, e a concessionária Chevrolet Autus, na Marcus Cherém, em razão de surto de Covid.

PORTAS FECHADAS
Prédios públicos, inclusive do Poder Judiciário, fecharam as portas nesta quarta-feira, por conta da Covid.

VENHAAAAAA!
“Olha eu confio muito no trabalho que estamos desenvolvendo em Uberaba e região, onde chegamos a 100 municípios com resultados concretos em todos eles. Como o cenário definitivo se dará com o prazo final de filiações e registro de candidaturas, em breve saberemos de fato quem serão os candidatos”. Avaliação é do deputado federal Franco Cartafina, sobre o impacto que a eventual candidatura do ex-prefeito Anderson Adauto terá sobre sua reeleição.

TRANQUILIDADE
“Vejo com tranquilidade essa provável candidatura do AA, assim como de qualquer cidadão que queira colocar o nome à disposição da população para o pleito deste ano. Sigo firme no meu propósito de trabalho sério e comprometido com Uberaba e toda região” - arrematou Franco Cartafina.

PODE VIR QUENTE
Já o pré-candidato do PDT, Antônio Lerin, avalia que “as chances de ser eleito com média de 30.000 votos está mexendo com a cabeça de muita gente”, inclusive do ex-prefeito Anderson Adauto. Para ele, “Anderson é um excelente parlamentar e pode tirar muitos paraquedistas da cidade, fortalecendo os candidatos de Uberaba”. Lerin acredita que a confirmação da candidatura de Anderson brecaria o avanço de candidatos de fora sobre o eleitorado local, como no caso de Janones e cia ltda. Mas também teria um impacto negativo sobre a reeleição dos deputados Zé Silva e Aelton Freitas. Os dois certamente perderiam votos de eleitores uberabenses.

CALCULADORA NA MÃO
“Não sei por qual partido ele poderá disputar, mas se for PT ou PSB, a média será de 70.000 votos para se eleger. Ismar (PSD) e Franco (PP) vão precisar de 80.000 votos, cada. Vai ser muito difícil para ele, principalmente se ficar no PP”, analisa Lerin. A conferir.

DE VIRADA
De virada, a vitória da segurança pública na votação popular para receber os mais de R$ 2 milhões devolvidos pela Câmara aos cofres da Prefeitura foi comemorada pelo presidente Ismar Marão, que integra os quadros da Polícia Civil também. Aliás, Marão admite ter votado nessa opção, por entender que a área precisa de investimentos na frota e em tecnologia, para fortalecer a prestação de serviços à população.




Continua depois da publicidade


CAMPANHA DE SUCESSO
A propósito, a campanha desencadeada pelo pessoal da Guarda Municipal para sensibilizar colegas de farda, policiais militares e civis, para votarem na destinação dos recursos para a segurança pública teve um reforço de peso. O secretário Glorivan Bernardes “comprou a ideia” e mobilizou seus colegas da Polícia Federal, a ponto de conseguir votos até de uberabenses radicados em outros estados (como Tocantins, por exemplo) para votar no site na Câmara.

VAI ENCARAR?
A performance do secretário Glorivan Bernardes na campanha pró-segurança pública já despertou as atenções para possíveis novos voos eleitorais do titular da Secretaria de Defesa Social no futuro. Capacidade de mobilização e competência pra pedir votos ele demonstrou ter…

OS EXCLUÍDOS
Leitor assíduo desta coluna observou que nem Antônio Sebastião Oliveira, o Toninho, nem Wellington Fontes aparecem na relação dos secretários municipais do governo Paulo Piau na revista “Foco Uberaba”, elaborada para prestação de contas dos seus 8 anos de mandato.

CHEFE NOVO
Delegacia Regional da Receita Federal tem novo titular. Eduardo Antônio Costa passa o cargo ao auditor fiscal Luiz Cláudio Martins Henriques.

UBERABA NA BERLINDA
Depois de perder a delegacia da Receita Federal, Uberaba sequer foi lembrada para rodízio no comando da regional. O escolhido é de Araguari…

COMO PODE?
Cratera aberta na rua Terezinha Campos Waack traz à tona a discussão sobre a qualidade dos serviços prestados por empreiteiras ao Município. Por cerca de um ano aquela via ficou em obras, pagas a peso de ouro, causando toda espécie de transtorno aos moradores da rua. Eles não conseguiam usar a garagem de casa para guardar o carro à noite; não conseguiam receber compras na porta de casa; eram obrigados a tomar chuva, porque não era possível estacionar em frente à residência, e por aí afora. Pois bem. Bastou começar a temporada da chuva para a obra mostrar seus defeitos e novamente obrigar à interdição do trânsito no local. Sinceramente: essas empreiteiras precisam ser chamadas às falas para refazer o serviço, sob supervisão rigorosa. É um absurdo o que está acontecendo ali!

 

 

 

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia