JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 05 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 23/11/2021


Continua depois da publicidade


Uberaba fica sem carnaval em 2022, e festa de reveillon está na corda bamba

ADEUS FOLIA DE MOMO!
Temor de nova onda da Covid-19. Esse foi o motivo alegado pelos prefeitos dos municípios associados à Amvale para cancelar o carnaval em 2022. Esta semana a diretora-geral da Organização Mundial de Saúde alertou que o mundo está entrando na quarta onda da pandemia, com registro de 440 mil casos em apenas 24 horas na Europa. Vários países, como a Alemanha, já estão retomando as medidas restritivas para tentar brecar a propagação do vírus. Temendo que essa quarta onda chegue ao Brasil, os prefeitos de Conceição das Alagoas, Sacramento, Campo Florido, Pirajuba, Delta, Planura, Conquista, Itapagipe, Água Comprida e Uberaba se reuniram na noite de segunda-feira para decisão conjunta. Resultado: a fantasia de Momo vai ter de ficar guardada por mais um ano.

JÁ ERA
Mais de 70 municípios do interior de São Paulo também cancelaram a programação de carnaval para o ano que vem, temendo a nova onda de Covid. Jundiaí, Franca, Ubatuba e demais cidades que suspenderam a festa não têm tradição de carnaval. Por isso, na avaliação de alguns foliões inveterados, o cancelamento decorre da falta de recursos para investimento nessa festa, e não do temor da pandemia. Nos municípios onde o carnaval gera uma boa arrecadação ainda não se ouviu falar em cancelamento por conta de Covid, como no caso do Rio de Janeiro. Mas...

E O REVEILLON?
Reveillon popular em Uberaba também periga ir pro brejo. Tudo vai depender dos números da pandemia, segundo o presidente da Fundação Cultural, Cássio Facure. Ele esteve reunido com a prefeita Elisa nesta quarta-feira e ficaram acertados que é prudente aguardar mais um pouco para tomar a decisão sobre a festa da virada do ano.

DE PÉ
Pelo menos até agora o projeto cultural para a Praça da Concha não sofreu nenhum revés. Está mantida a estreia no dia 18 de dezembro, de acordo com o presidente Cássio Facure, que foi autorizado pela prefeita a dar andamento na estruturação do evento.

PODE ISSO?
Não param de pipocar denúncias dando conta de que o aumento dos casos de Covid em alunos da rede estadual está diretamente relacionado à negligência nas escolas. Segundo contam pais e professores que não querem se identificar, tem faltado álcool gel em salas de aula. Só usa o álcool quem o leva de casa. Água e sabão nem sempre são encontrados nos banheiros e em muitos casos o uso de máscara facial tem sido negligenciado. Sem as cautelas necessárias, fica difícil impedir o avanço da doença...

ATENÇÃO!




Continua depois da publicidade


Trânsito no entorno da Uniube precisa de maior atenção no próximo domingo, quando será realizada a segunda fase do Enem. Pra começar, é importante destinar uma pista exclusiva para o desembarque de estudantes, com segurança, sem comprometer a outra faixa de trânsito. Fica aí a sugestão!

PERDA DE TEMPO

Depois de um tremendo bafafá na noite de segunda-feira, foi arquivado o projeto de lei que pretendia proibir o uso da chamada linguagem neutra nas escolas de Uberaba, tanto públicas quanto particulares. Nem poderia ser diferente, pois o Supremo Tribunal Federal, recentemente, reafirmou a competência privativa da União para legislar sobre diretrizes e bases da educação. Ou seja, esse tema não é de competência do Legislativo municipal. Portanto, nossos nobres vereadores precisam se informar melhor e parar de “jogar para galera”.

VIVA!!!
O 67º Batalhão da PM classificou-se em 7º lugar entre as 87 unidades de todo o Estado no combate à criminalidade, com redução importante do número de crimes violentos (-40%), homicídios consumados (-28,7%) e furtos (-5%). O levantamento feito pela corporação, englobando os meses de janeiro a outubro deste ano, em comparação a igual período do ano passado.

ELISA NO PINGO DO JOTA
Prefeita Elisa é a convidada desta quarta-feira no programa O Pingo do Jota, que vai começar mais cedo: às 8h. Na pauta estão os resultados e as perspectivas da participação da prefeita na Expo Dubai, projetos destravados pelo governo, carnaval e pandemia, dentre outros. Sintonize Rádio JM FM 95.5. Não perca!
 


** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia