JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 18 de maio de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 28/04/2021


Continua depois da publicidade


Bolsonaro confirma presença ao vivo na ExpoZebu Virtual

Presidente Jair Bolsonaro confirmou no final da tarde desta quarta-feira sua presença virtual ao vivo na abertura oficial da Expozebu. Em matéria de prestígio político, a maior feira de gado do mundo terá ainda a presença do presidente da Câmara federal, deputado Artur Lira, e do Senado, senador Rodrigo Pacheco, e o governador Romeu Zema. Cerimônia está marcada para às 8h deste sábado, dia 1º de maio, sob o comando do presidente da ABCZ, Rivaldo Machado Borges Júnior.

TUDO ERRADO

Alvo de polêmica e muitas críticas, a Lei da Inspeção Predial foi revogada pelos vereadores na sessão da Câmara Municipal realizada na segunda-feira. Até aí, tudo certo, até porque essa lei foi aprovada no final do ano passado, sem debate com a sociedade, e desde então já causou até bate-boca em redes sociais. Na época, o prefeito Paulo Piau se recusou a sancionar a lei e deixou a bomba estourar nas mãos do presidente do Legislativo, Ismar Marão, o mesmo vereador que agora propôs a sua revogação. Pois bem. Estaria tudo certo, não fosse a atitude unilateral do Instituto de Engenharia de entregar nas mãos da vereadora Lu Fachineli uma nova minuta elaborada unilateralmente, para embasar um novo projeto de lei recriando a inspeção predial. 

DIÁLOGO, PALAVRA DE ORDEM

De um lado, o Instituto de Engenharia defende a obrigatoriedade da vistoria predial, em nome da segurança dos imóveis construídos no município. De outro, todas as entidades da sociedade civil, incluindo o Sinduscon, se posicionam contra o texto da lei revogada, e agora reapresentado pela vereadora Lu Fachinelli. Na verdade, o ponto crucial da divergência está em quem vai pagar esta conta. Se de um lado a necessidade de garantir a segurança das construções é legítima, de outro não se pode impor mais um ônus ao contribuinte. As pessoas já estão oneradas em excesso com tantos tributos, e atoladas em dificuldades financeiras em decorrência da pandemia. Por isso, não resta alternativa, senão atribuir ao Poder Público a responsabilidade de cumprir a obrigação de fiscalizar a solidez e segurança dos imóveis, destinando parte da arrecadação de IPTU para o custeio de um departamento de Inspeção Predial, por exemplo. Ou que o proponente encontre uma solução capaz de evitar mais despesas para o cidadão e para os cofres públicos.  

MÃOS À OBRA

Sesurb já deu jeito de acabar com os buracos no entroncamento da avenida Leopoldino de Oliveira com rua Alfém Paixão, no acesso ao terminal oeste do BRT. Valeu a reclamação. Aliás, valeu também a crítica ao mato alto na Univerdecidade. Equipes de limpeza já estão roçando a área próxima ao Centro de Inovação. Viva!

ECONOMIA

Balanço dos primeiros 100 dias de governo da prefeita Elisa revela economia da ordem de R$ 81 milhões para os cofres públicos. Para chegar a esse resultado, cada secretaria teve de cortar pelo menos 30% de despesas. Palavra de ordem também foi evitar gastos de toda espécie.

COMO PODE?

Acredite, se quiser: a cozinha do restaurante popular está instalada no Bairro Boa Vista, enquanto o imóvel destinado a servir as refeições fica localizado na avenida Nelson Freire. Já pensou o custo do transporte desses alimentos, todos os dias, de um lugar para o outro? Logística difícil de operacionalizar. 

NA CONTA

As creches e demais Organizações da Sociedade Civil (OSCs) recebem esta semana os repasses federais aguardados. O assunto esteve em pauta no Pingo do Jota de terça-feira (27), durante entrevista da secretária Sidnéia Zafalon. A titular da pasta disse, à ocasião, que os repasses seriam regularizados muito em breve e foi vapt-vupt mesmo. Outra boa notícia é que portaria interministerial publicada no dia 31 de março reajustou os valores de tabela para mais. Embora o pagamento da primeira parcela, agora em abril, ainda leve em consideração os valores anteriores a essa publicação, os próximos, previstos para os meses de junho, agosto e outubro,  serão de R$10.222.928,96. 

CHEGOU!!!

Viva!!!! Os R4 3 milhões prometidos pelo governador Romeu Zema para o custeio do Hospital Regional chegaram a Uberaba e já estão na conta da Prefeitura. O que parecia mais uma promessa jogada ao vento  na verdade se concretizou. A própria prefeita Elisa confirmou que o dinheiro já está na conta da Prefeitura desde segunda-feira. Aleluia!!! Esta é a primeira vez que o Hospital regional vê a cor do dinheiro do Estado, desde sua inauguração. Até agora tudo não passava de embromação, tanto no governo Pimentel quanto nestes dois primeiros anos de Zema. Mas pelo menos Zema cumpriu a promessa de repassar uma parte do que deve a Uberaba. Agora temos de buscar o restante do nosso crédito.




Continua depois da publicidade


Luto

Um dia após o governo federal incluir as gestantes no grupo prioritário da vacinação, Uberaba registra a triste perda da empresária Vanessa Rosa da Silva Borges, esposa do vereador Varciel Borges Rodrigues, mais uma vítima da Covid-19. Mãe de Matheus, de 22 anos, Vanessa estava grávida do segundo filho e enfrentou dez dias de internação no Hospital São Domingos. Outra batalha perdida foi a do padre Alex Pereira do Santos, que era pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Uberaba. Ele foi a quarta vítima de Covid na Arquidiocese de Uberaba, que já perdeu os padres Carlos Alexandre de Souza (10 de março), Selmo Donizetti Mazeto (31 de março) e Jaime Ribeiro da Silva (23 de abril). 

 

Foi emocionante a despedida do Padre Alex, pelos seus amigos e fiéis. Além da oração, uma demorada salva de palmas mostrou o quanto Padre Alex era estimado e o bem que fez a tantas almas com sua palavra de esperança e conforto. Uma perda extremamente sentida pela comunidade católica de Uberaba. Aliás, é preciso ressaltar também que várias pessoas do convívio diário com o Padre Alex revelam o quanto ele era cuidadoso com a sua saúde e a de seus fiéis. Mas, ainda assim, n]ão se livrou desse vírus implacável. Lamentável!  

ORAÇÕES

Durante toda a quarta-feira circularam nas redes sociais pedidos de orações pela saúde do médico e ex-vice-prefeito de Uberaba Dr. Paulo Mesquita. Ele se submeteu a uma cirurgia grande recentemente e, agora, luta contra a Covid. Nossas orações estão com ele.

DE ARREPIAR

Boletim Covid desta quarta-feira revela um número assustador de novos infectados em 24 horas. Foram nada menos do que 263. Boletim mostra, ainda, mais 12 óbitos confirmados e 1 em investigação.  Chamam a atenção as vítimas com idade na faixa dos 30 a 60 anos. Foram 2 mulheres, sendo uma de 36 e outra de 39 anos. Teve óbito de pessoas com 45, 49, 56, 59, 60  anos e apenas duas pessoas com idade superior a 70 anos.

Bota casaco, tira casaco…

E o Censo 2020/2021? Depois de mais uma vez ser cancelado, o levantamento volta à pauta no cenário político brasileiro a partir da decisão do decano do Supremo Tribunal Federal, ministro Marco Aurélio Mello, que determinou ao governo federal a “adoção de medidas voltadas à realização do censo”. Na decisão, Marco Aurélio enalteceu o direito à informação e a necessidade de dados e estudos para analisar a realidade do Brasil. Os números que temos ainda são de 2010… 

Chegada à francesa

Primeira remessa de vacina da Pfizer chega hoje ao Brasil. Serão nada menos do que um milhão de doses de um total de 100 milhões previstas em contrato com o Ministério da Saúde. A previsão é que cheguem em Campinas, pelo aeroporto internacional de Viracopos. Mas tem uma pegadinha aí. Nem todas as cidades poderão receber os imunizantes do laboratório francês, uma vez que os antígenos devem ser armazenados em temperaturas baixíssimas. Assim, de acordo com informações do Ministério da Saúde na semana passada, apenas as capitais e o Distrito Federal devem receber as remessas. Nas centrais estaduais, os antígenos podem ser armazenados a -20°C por até 14 dias. Já nas centrais municipais, nas salas de vacina, as doses podem ficar por apenas 5 dias em uma temperatura entre 2°C e 8°C. Consultado pela coluna, o professor Maurício Ferreira, superintendente regional de Saúde, esclareceu que “se a Pfizer exigir temperaturas muito baixas com certeza virão recursos tecnológicos para tal preservação”. Assim esperamos!

Esperança

Comerciantes da área central de Uberaba estão esperançosos com o Dia das Mães. A empresária Ludmila Martins Lima é uma delas e aposta na reabertura das lojas para reaquecer as vendas e tirar o atraso do tempo de portas fechadas. Todos os cuidados estão sendo tomados pelos comerciantes, temerosos com a possibilidade de um novo decreto decidir pelo fechamento, a qualquer momento. Pensamento semelhante tem Joabe Queiroz, que fala em agradecer pela oportunidade de manter as lojas abertas e já até retomou a compra de mercadoria para reposição dos estoques. “(Depois de um ano tão difícil) Falar de crescimento é meio desconfortável, mas se nós chegarmos num equilíbrio já é de uma felicidade muito grande para nós, comerciantes”, disse ele à jornalista Joanna Prata, em reportagem para o Pingo do Jota.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia