JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 11 de abril de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 01/04/2021


Continua depois da publicidade


Acaba estoque de vacinas para idosos em Uberaba

ACABOU TUDO! Todo o estoque de vacinas contra Covid destinadas a idosos está zerado. É isso mesmo o que você leu: não tem mais vacina para imunizar uberabenses na faixa dos 65 anos e mais. Por essa razão, o cronograma da vacinação foi alterado pela Secretaria Municipal de Saúde. Vacinação para esse público na faixa de 65 a 68 anos está suspensa. 

COMO FICA

A vacinação de idosos está suspensa para 1ª dose. Mas fica mantida a aplicação da segunda dose no sábado, para todos aqueles que já estavam agendados no cartão de vacinação. Também haverá imunização, neste sábado, para profissionais de saúde, tanto 1ª quanto 2ª dose. E só!

Todos os demais terão de esperar nova remessa de vacinas, na semana que vem...

VAI DEMORAR

Não é 1º de abril: Nova remessa de vacinas contra a Covid só deve ser despachada pelo governo de Minas para o Triângulo Mineiro na segunda-feira. Ou seja, quem esperava que chegassem no sábado, como chegou a ser cogitado, terá de aguardar mais um pouco.

Com isso, os lotes irão desembarcar em Uberlândia no dia 5  pela manhã e, de lá, virão para Uberaba por estrada. Seguindo o mesmo esquema das remessas anteriores, a entrega dos lotes aos municípios alcançados pela Superintendência Regional de Saúde está prevista para a terça-feira. Resultado: teremos praticamente uma semana de atraso na vacinação, contando que hoje é feriado, sábado e domingo ficará tudo parado, segunda é dia de recebimento das vacinas vindas de BH e só na terça chegarão ao Município para retomada da vacinação provavelmente na quarta-feira. Socorro!!!!




Continua depois da publicidade


INDEFINIÇÕES ANGUSTIANTES

Quantitativo de doses e público alvo da próxima etapa continuam indefinidos. Mas o superintendente regional de Saúde, Maurício Ferreira, não descarta a possibilidade de haver algum recorte na programação, antecipando a vacinação do pessoal que integra as forças de segurança e postergando a imunização dos idosos um pouco mais…

E pensar que nesta quinta-feira mais de 9,1 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 começaram a ser distribuídas pelo Ministério da Saúde aos 26 estados e ao Distrito Federal. Desse total, 8,4 milhões são da CoronaVac, liberadas pelo Instituto Butantan, e 728 mil da AstraZeneca/Oxford, produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), nesta que está sendo considerada a maior distribuição de vacinas contra a Covid-19 de uma única vez feita pelo Programa Nacional de Imunização. Além dessas doses, está prevista a chegada, neste sábado (3), de 2,1 milhões de vacinas da Fiocruz, totalizando mais de 11 milhões de doses.Difícil é fazer essas doses chegarem ao braço dos brasileiros!

A CAMINHO DO PICO

Com essa morosidade toda no processo de vacinação da população, não é de se estranhar que o pico da pandemia ainda esteja por vir. De acordo com as projeções feitas pelo Observatório Covid da UFTM, esse pico deve acontecer na segunda quinzena de abril. Ou mais pra frente, dependendo do comportamento da população frente às medidas de biossegurança. Segundo a matemática Michelli Maldonado, em entrevista ao programa O Pingo do Jota desta quinta-feira,  a taxa de isolamento da população não caiu e se mantém muito baixa, em torno de 36% apenas. Seria necessário alcançar pelo menos o dobro desse percentual para garantir uma redução significativa do número de casos de Covid em Uberaba.

EM ALTA

Aliás, na semana passada Uberaba tinha 2.392 casos ativos de Covid. Já saltou para 2.487, com perspectivas de continuar aumentando. 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia