JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 26 de fevereiro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Lídia Prata ALTERNATIVA 23/02/2021


Continua depois da publicidade


Com recorde de óbitos em 24h, Uberaba espera por medidas mais duras e novo decreto

Uberaba alcançou nesta terça-feira o seu recorde de óbitos por Covid-19. O boletim epidemiológico aponta 9 óbitos confirmados em apenas 24 horas e outros 4 em investigação. Uma terça-feira muito triste para todos nós, mas, especialmente, para as famílias que perderam seus entes queridos. Muito mais do que lamentar essas vidas perdidas precisamos urgentemente nos conscientizar que não dá pra ignorar as medidas sanitárias preventivas, como uso de máscara facial, higienização constante das mãos e  isolamento social. Se as aglomerações e as festas clandestinas continuarem pipocando pela cidade, certamente não conseguirem vencer esse vírus. Nem com vacina, pois está demorando a chegar para todos, nem com mais leitos de UTI nos hospitais. Para alguns a Covid-29 pode ser apenas uma gripezinha. Mas para muitos outros é uma sentença de morte. E ninguém pode saber em qual grupo estará, se for contaminado, ou se  vier a contaminar pais, irmãos, avós…   

MULTA PESADA

Fechamos a terça-feira com 91% de ocupação dos leitos de UTI na rede particular, o que significa 29 pacientes em estado grave, além de outros 14 internados em enfermaria. No Hospital Regional, a ocupação dos leitos de UTI bateu a marca de 58% nesta terça-feira, totalizando 26 pacientes em estado grave. Ainda na rede pública são 67 pacientes internados no HR. É muito! Aliás, nosso número de casos novos confirmados nas últimas 24 horas também continua nas alturas: foram 125, segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura. Diante desse quadro, não será surpresa se a prefeita Elisa endurecer o jogo contra aqueles que estão desafiando a morte e ignorando as regras sanitárias. O endurecimento das medidas é indispensável, neste momento. Multas mais pesadas são necessárias para aqueles que insistirem em colocar a coletividade em perigo de contaminação. Sem dó, nem piedade.

ESTRATÉGIA E INTELIGÊNCIA

Entrevistado no programa O Pingo do Jota desta terça-feira, o presidente da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia avaliou que o momento da pandemia na cidade vizinha é realmente muito grave. Mas questionou que a única medida de enfrentamento adotada pela Prefeitura tenha sido o lockdown. Paulo Romes Junqueira ressaltou que essa medida já se mostrou ineficiente em todos os lugares do mundo onde foi adotada, e defendeu medidas mais efetivas, como disponibilizar tratamento adequado à população; investir na preparação física dos cidadãos aliada a boa alimentação, e reforçar a estrutura hospitalar. Aliás, Paulo Junqueira criticou a demora do Poder Público em investir especificamente no melhor aparelhamento dos hospitais, lembrando que já temos um ano de convivência com a pandemia e os problemas da saúde pública se arrastam sem solução no país. Já era hora de termos hospitais mais equipados e preparados para o atendimento aos doentes.

SOBRE VÍRUS E VENTANIA

Ainda na avaliação do presidente da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia, “o vírus é como o vento. Ninguém segura. Por isso, não basta correr dele. Temos de nos preparar para enfrentá-lo com inteligência”. Sábia lição.

NA ÁREA

Point preferido dos uberabenses após a ponte sobre o rio Grande, Ribeirão Preto confirmou 12 casos da P1, a perigosa variante brasileira do coronavírus. Nenhum dos infectados esteve em Manaus, o que significa que a nova cepa veio por terra ou pelo ar…

NOVA CEPA

Já a variante britânica do coronavírus foi detectada em amostras de pacientes infectados em Minas Gerais e outros sete estados brasileiros. A informação é do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A presença da variante originária do Reino Unido, batizada de B.1.1.7, foi identificada em 16 cidades brasileiras, sendo quatro em Minas Gerais: Belo Horizonte, Betim, Araxá e Barbacena.

PRIVATIZAÇÃO

O aeroporto de Uberaba já está qualificado para privatização. Decreto nº 10.635 foi publicado no Diário Oficial da União do dia 22, e inclui o nosso aeroporto no chamado Programa Nacional de Desestatização, juntamente com os aeroportos Santos Dumont (RJ), César Bombonato (Uberlândia), além do aeroporto de Montes Claros, Belém, Macapá, Marabá, Altamira, Campos Grande, dentre outros. No mesmo programa de desestatização foram incluídas duas rodovias que cortam Minas Gerais, a BR 116, entre Governador Valadares e a divisa com o Rio de Janeiro, e a BR 040, na região de Juiz de Fora.

E AS VACINAS?

Pra variar, ainda não há informação concreta sobre o quantitativo de vacinas que o Estado vai destinar para Uberaba, nesse novo lote de 2 milhões de doses da AstraZeneca que chegaram ao Brasil nesta terça-feira. Até agora chegaram na nossa cidade 17.312 doses, o que é realmente muito pouco para alcançar a chamada imunização de rebanho que garantirá aos uberabenses respirar com algum alívio. Otimista, a prefeita Elisa mantém a expectativa de concluir até o final de março a vacinação dos idosos com 60 anos ou mais. Oremos!

SINAL DE ALERTA

Mas a situação é bastante assustadora. Projeções feitas por pesquisadores das universidades federais de Juiz de Fora e São João Del Rey apontam que se Minas Gerais mantiver essa velocidade de vacinação contra a Covid-19 a doença poderá acarretar ao estado 40.068 mortes até fevereiro de 2022, ou seja, mais que o dobro da soma atual, que é de pouco mais de 18 mil mil óbitos. Isso significa que Minas precisa pisar fundo no acelerador para atingir essa triste marca nos próximos 12 meses.




Continua depois da publicidade


QUEM É QUEM? 

Vai depender da sanção da prefeita Elisa a divulgação das listas de uberabenses vacinados contra o coronavírus em Uberaba, a partir da aprovação pela Câmara Municipal de Uberaba do Projeto de Lei que obriga a publicação dessas informações. O projeto obriga o Poder Executivo a divulgar, em site oficial específico, com acesso facilitado e irrestrito, lista em que constem os dados dos imunizados contra a Covid-19. Mas, segundo o autor do projeto,  vereador Celso Neto, a divulgação não irá contrariar a Lei Geral de Proteção de Dados, uma vez que os nomes serão preservados e a identificação dos imunizados deverá ser feita por iniciais. Importante é saber se teve fura-fila ou não, através do cruzamento das informações. Na verdade, esse projeto apenas contempla a transparência da informação, pois não inclui qualquer tipo de punição para quem tiver violado a ordem de preferência para a imunização, estabelecida no Plano Nacional de Imunização.

HAJA DONO!

Prefeita Elisa Araújo está assustada com a inacreditável quantidade de “donos” do prédio do Centro Administrativo que têm aparecido desde sua posse, querendo negociar um acordo na milionária indenização pela ocupação do imóvel desde o governo Marcos Montes. A pendência judicial já está em fase de execução de setença, sem possibilidade de despejo da Prefeitura, mas envolve cifras gigantescas para indenização pela desapropriação do prédio. Segundo a prefeita, já chegaram “donos” propondo liquidar a demanda por valores que variam de R$ 25 milhões a R$ 134 milhões. “Quero resolver, mas dentro da legalidade” - afiança a prefeita.

SEM FUSÃO

Não haverá fusão de secretarias. E as nomeações de titulares para pastas ainda comandadas por interinos serão feitas gradativamente. É o que garante a prefeita, argumentando que toda a sua equipe ainda está em período experimental, uma espécie de estágio probatório. Isso significa que interinos poderão ser confirmados titulares. Ou dar lugar a efetivos.

DEU B.O.

Novato vereador Caio Godoy registro B.O contra cidadão que usou as redes sociais para xingá-lo e incitar seus seguidores a empunhar armas para invadir a casa dos políticos e destruir tudo. Ainda bem que nenhum maluco embarcou nessa criminosa  canoa furada. 

VARRE VARRE VASSOURINHA

Secretário Adjunto de Obras e Serviços Urbanos, Pedro Arduini revela que a partir de março serão colocadas 11 equipes de limpeza  e 111 pessoas nas ruas. Nesse início de governo, a Sesurb está atacando primeiro os casos mais urgentes, assim entendidas as avenidas principais de acesso aos bairros, que andavam cobertas por mato. Mas a ideia é montar equipes para atuar nos bairros, a partir dos 5 setores da cidade. Viva!!!

 ALERTA

A propósito, o leitor Wilson Lima faz um alerta, para que a Prefeitura tome providência urgente. “A famosa e deslumbrante fonte da Praça Rui Barbosa está com a água mais verde que a camisa do Palmeiras. E, para completar, a piscina do antigo Jockey Clube, da mesma forma, precisa de providência. Caso contrário, a dengue vai explodir na região central da cidade.”

BOA NOTÍCIA

Para encerrar a coluna de hoje, nada melhor do que uma boa notícia: a uberabense Eletric Ink, comandada por Paulo Fernando Angotti, acaba de anunciar a conclusão do projeto de fabricação do respirador 100% uberabense. O aparelho já foi testado, aprovado e dependerá agora da aprovação da Anvisa para ser colocado no mercado. Veja no vídeo que show de respirador!

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.

Continua depois da publicidade

Leia mais



DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia