JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 31 de maio de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Renato Abrão RENATO ABRÃO 05/04/2020


Bom dia, leitores do Jornal da Manhã.

Por algum tempo manteremos apenas essa plataforma digital para nos comunicarmos. Estamos passando por uma fase muito complexa e delicada, em que as informações, previsões e verdades mudam a cada 24 horas.

Pensando nisso, e devido à impossibilidade de muitas das vezes estarmos fisicamente perto de vocês, seja por um papel de jornal, seja sentado em frente a vocês em uma sala de consultório, tomei uma decisão junto com o resto da equipe da minha clínica e vou usar a coluna de hoje para fazer algumas orientações a vocês.

Como todos sabem, durante o decreto municipal e estadual, não estamos podendo sair de casa para quase nada, não sabemos onde o vírus está, com quem ele está e, pior, como ele vai interagir com cada um de nós! Ele não escolhe idade, sexo, religião, raça, gênero... ele nos colocou em uma única classe: seres humanos. E nos vê como uma fonte maravilhosa para se replicar e expandir pelos 5 continentes.

Acho que temos que saber filtrar as informações, nem muito ao céu e nem muito à Terra. Temos que achar a curva certa de contaminação, para nem ficarmos muito tempo nesta pandemia e nem sobrecarregarmos os centros de saúde deficitários que o mundo inteiro tem, não é privilégio do Brasil. Temos sim que testar o máximo de pessoas, que só assim saberemos quem já entrou em contato com o vírus, se curou e já pode levar uma vida normal, pondo um fim nessa quarentena que esta matando idosos de solidão, empresários tendo que demitir por não conseguirem arcar com os salários e, principalmente, trabalhadores informais não tendo como levar o sustento do dia-a-dia para casa.

Minha Clínica, Ana Jorge, com intuito de ajudar nossos pacientes, e quem mais necessitar, vem através desta coluna, informar que iremos iniciar, a partir do dia 13/04/2020, sob agendamento prévio, atendimento por vídeo chamada. Para poder orientar, atualizar receitas médicas, analisar exames, diagnosticar enfermidades, tratar comorbidades e, se necessário for, programar avaliações físicas de casos graves. Não podemos esquecer que obesidade, distúrbios alimentares, diabetes, hemorragia uterina, patologias de colo uterino, ovário, mama e distúrbios hormonais continuam existindo e causando transtornos importantes pra que os vivenciam no dia a dia.

Precisamos nos reinventar em momentos como esse, tentar chegar a quem precisa e que vive a angústia do abandono. Não podemos esquecer que existem outras dores, outros sofrimentos. E não ter a quem buscar só piora esse sofrimento.

Sendo assim, eu, Dr. Renato Antonio Abrão, Mastologista e Ginecologista, minha esposa e Nutróloga, Dra. Adriana Cardoso Treme e meu pai e Ginecologista, Dr. Djalma Antonio Abrão, nos colocamos à disposição de todos que necessitarem através desta nova ferramenta de atendimento médico: Telemedicina.

Ligue nos números 3321-7108 e 99885-0380 e agende uma vídeoconsulta conosco.

Um bom domingo a todos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ.
O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.
DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia