JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 17 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Luiz Ciabotti Neto RADAR 06/03/2019

 Frase de Caminhão
“O único final feliz que eu conheço é o final de semana”

Jeep Renegade

RENEGADE HIBRIDO
A Jeep começa a revelar as boas novidades que os SUVs Renegade e Compass mostrados no último Salão de Genebra. Segundo as primeiras informações, os dois modelos contarão com o motor 1.3 turbo trabalhando em conjunto com outro propulsor elétrico, que, na configuração aplicada para o Renegade, entregará entre 190 e 240 cv. De acordo com a Jeep, o Renegade híbrido será capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 7 segundos.

Jeep Compass

COMPASS HÍBRIDO
No caso do Compass híbrido, a potência combinada ainda não foi homologada, mas ficará na casa dos 240 cv e permitirá ao SUV médio entregar um nível de desempenho semelhante ao Renegade.

BOA NOTICIA
Tanto o Compass híbrido como o Renegade com o mesmo conjunto também poderão rodar por cerca de 50 km em modo elétrico, desde que a velocidade não supere 130 km/h e o conjunto de baterias esteja previamente carregado.

VOLVO XC-90 2020
A Volvo está apresentando o novo XC90 2020. O novo carro passa a contar com sistema de frenagem com recuperação de energia, sendo que, nas opções com esse recurso, o conjunto motriz conta com motor à combustão e passa a ser identificado com o selo "B" no logotipo na tampa traseira.

TECNOLOGIA PURA
Este novo powertrain eletrificado ajuda a economizar até 15% no consumo de combustível, utilizando a energia recuperada nas frenagens. Essa nova opção de motorização B é adicionada à gama XC90 e conviverá com a híbrida T8. Por fora, o XC90 2020 também conta com atualizações estéticas na grade, roda e cores oferecidas.

PARA O BRASIL
A opção que chegará ao Brasil será a de 7 lugares, que é destinada ao nosso mercado. O carro traz algumas tecnologias importantes como: frenagem automática de emergência, a qual é capaz de reconhecer pedestres, ciclistas e animais de grande porte, inclusive à noite. Além disso, há o Cross Traffic Alert, que avisa se algum veículo, bike ou pedestre está cruzando no momento em que o motorista vai tirar o carro de uma vaga.

SÓ NO FINAL DO ANO
O sistema de entretenimento é compatível com Android Auto e Apple Car Play, incluindo Spotfy. Por enquanto o modelo entrará em produção na fábrica de Torslanda, na Suécia, e deve desembarcar por aqui até o final deste ano. (Com site Autoo)

Divulgação


No lançamento da nova geração dos carros da Hyundai no Brasil, o SUV Creta vai ganhar uma pulseira especial que irá ajudar no cotidiano dos motoristas

COMEMORAÇÃO NA HYUNDAI
Comemorando a produção de 1 milhão de veículos fabricados em Piracicaba, a Hyundai vai lançar uma série especial “1 Million” para o Creta, HB20 e HB20S. Os três modelos virão equipamentos exclusivos e lista de itens de série mais recheada.

PUSEIRA INTELIGENTE
O Creta será equipado com sistema Hyundai Key Band, uma pulseira inteligente que destrava as portas do carro além de funcionar como relógio, contador de passos e calorias, medidor de distância percorrida e também exibe notificações do celular.

PREÇOS AINDA NÃO
Preços não foram anunciados ainda pela Hyundai e as vendas serão iniciadas apenas na segunda quinzena de agosto ou inicio de setembro.

Divulgação


A Hyundai começa a especular sobre as novidades que chegarão em setembro no segundo carro mais vendido no Brasil. A segunda geração do HB-20 será inspirada no Conceito SAGA EV

FALANDO EM HB20
Falando em HB-20, no inicio do mês passado, a revista Autoesporte adiantou algumas novidades que chegarão junto com a nova geração do carrinho em setembro deste ano. O novo modelo vai ganhar uma renovação completa.

MAIS ESPAÇO BANCO DE TRÁS
Chegando à sua segunda geração, o novo HB-20 deve manter a plataforma e base de motores do original, mas promete ser ousado em outros pontos. A boa novidade será um espaço bem maior para aqueles que vão ao banco de trás.

NOVOS AIBAGS E MAIS SEGURANÇA
Outra boa novidade serão os airbags de cortina e aços de maior resistência aplicados em pontos-chave, como as colunas centrais; o compacto deve incorporar as salvaguardas eletrônicas na maioria das versões buscando ser o carro mais seguro da categoria.

CAMBIOS RETOCADOS
Os câmbios manual e automático de seis marchas devem permanecer. A caixa mecânica de cinco marchas talvez seja aposentada. Uma marcha a mais vai ajudar o 1.0 básico a ganhar em desempenho, graças às primeiras relações mais curtas, e em economia, no que a sexta marcha vai colaborar.

Divulgação


O sistema de freios deve ser verificado somente por um especialista. Se surgir o barulho de metal com metal, o motorista deve procurar urgentemente um mecânico de sua confiança

SONORIZADOR DE FREIOS
Os veículos mais antigos têm um sonorizador que alerta o proprietário sobre o desgaste excessivo das pastilhas dos freios. É comum o motorista levar um susto no começo, pois o som nada mais é do que metal contra metal. Ele é proveniente de uma chapa metálica localizada na ponta da pastilha (indicador de desgaste) em atrito com o disco de freio.

FIQUE ESPERTO
Quando esse barulho começa, o ideal é levar o veículo o quanto antes para fazer a substituição das pastilhas (das duas rodas) e uma inspeção em todo o conjunto de frenagem, garantindo segurança e evitando desgastes mais profundos no disco de freio. Fique atento aos ruídos do seu veículo!

Divulgação


A Honda 10000 vem com acelerador eletrônico do tipo TBW (Throttle By Wire), que administra a entrega da potência e oferece ao piloto maior controle sobre a cavalaria

HONDA CB 1000R 2019
A Honda está lançando nesta semana a tão esperada CB 1000R 2019. O preço também já foi divulgado e o bólido desembarca custando R$ 58.690. Disponíveis nas cores vermelho metálico e preto perolizado, as primeiras unidades serão entregues somente em abril.

NOVO MOTOR
Trazendo um novo motor quatro cilindros DOHC com injeção eletrônica de 998 cm3, o propulsor é derivado da Fireblade. O câmbio é de seis marchas e a embreagem é do tipo deslizante, que ajuda a roda traseira a não desgarrar em reduções de marchas.

MUITO PERIGOSA
Segundo a montadora, nas três primeiras marchas, até os 130 km/h, ela é até mais rápida do que a esportiva CBR 1000RR Fireblade. Mas para não ficar muito perigosa, a eletrônica ajuda a dosar a entrega da potência.

 

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia