JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 22 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Gisele Barcelos CHECKLIST MUNDO 14/10/2019

Quer conhecer um novo destino e ter uma experiência de viagem literalmente animal? Nem precisa adotar um bicho de estimação para ir com você, basta fazer o cadastro no Airbnb. A sugestão não é por causa da possibilidade de se hospedar em uma casa ou apartamento com pets, mas sim porque a plataforma lançou uma nova funcionalidade e agora disponibiliza aos viajantes a realização de atividades especiais com animais de diversos lugares do mundo.

Desde 2017, o site já disponibilizava a contratação de passeios com moradores locais e você podia se juntar a outros humanos para conhecer a cidade de bike, tirar fotos ou experimentar a culinária típica. Porém, na última semana, a plataforma ampliou a lista de experiências e incluiu oportunidades únicas para interagir com o reino animal nos destinos visitados.

Já são mais de 1.000 experiências disponíveis no site, envolvendo 300 espécies de animais ao redor de todo o mundo. Entre as possíveis aventuras estão o resgate de cachorros na zona de exclusão de Chernobyl, descobrir raposas no Ártico, interagir com cavalos na Espanha, acompanhar grupo de estudos de animais selvagens na África, ajudar a salvar gibões na Tailândia, conhecer animais que detectam minas terrestres na Camboja, safáris e várias outras vivências.

Aos viajantes que não querem sair do Brasil, a empresa também oferece ações em território nacional. Desde o yoga com gatos em Porto Alegre até uma trilha para observar baleias em Santa Catarina ou um mergulho com tartarugas no Rio de Janeiro.

A maioria das atividades são recorrentes e podem ser agendadas em qualquer período do ano, mas há também eventos únicos, como (pasmem!) um concerto de rock para tubarões brancos com a banda KISS. A apresentação ao vivo acontecerá no dia 18 de novembro em um barco na costa da Austrália e as vagas a bordo serão reservadas por meio do Airbnb.

Esse rolê é organizado por um guia local, com 15 anos de trabalho voltado para a preservação da vida marinha. Toda a verba angariada com a contratação da experiência será revertida para a Australian Marine Conservation Society.

Ao lançar a nova lista de atrações, o Airbnb reforçou inclusive que as experiências são desenvolvidas por defensores dos animais, atentos com a segurança e o bem-estar da bicharada. Por isso, uma série de regras devem ser respeitadas pelos aventureiros e anfitriões.É proibido, por exemplo, tirar selfies ou montar em animais selvagens. As diretrizes foram elaboradas em parceria com World Animal Protection.

Se as experiências atiçaram sua curiosidade viajante e a única dúvida é se cabem no orçamento, fique sabendo que atividades com diversas faixas de preço, desde trilhas de R$ 50, cavalgadas e mergulhos por R$ 150, expedições curtas por R$ 600 até imersões de quatro dias para observação de vida selvagem por R$ 2 mil. Então, é só escolher o que cabe no bolso e soltar logo seu lado aventureiro!

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia