JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 21 de agosto de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Gisele Barcelos CHECKLIST MUNDO 24/06/2019

Cinco roteiros para viajar de carro pelo interior do Brasil e aproveitar as férias de julho

Queria viajar nas férias de julho, mas não se programou com antecedência e agora só encontra passagens aéreas caras demais? Antes que você pense em desanimar e desperdiçar os dias de folga no sofá, preciso dizer que essa pode ser uma excelente oportunidade para colocar o pé (ou melhor o carro!) na estrada.

Viajar de carro é uma ótima ideia para quem deixou o planejamento para a última hora, envolvendo bem menos burocracia que o que enfrentamos nos aeroportos por causa das regras de bagagem e horários de check-in.

Não bastasse essas facilidades, a tradicional road trip ainda permite botar o volume do som no alto com sua playlist favorita, apreciando a paisagem ao longo do caminho e até dando uma paradinha se o cenário valer a pena.

Então, se você agora precisa de ideias para cair na estrada, confira cinco roteiros bacanas para curtir a viagem com a família, amigos ou mesmo sozinho.

Estrada Real

Para fazer um verdadeiro percurso pela história do Brasil, nada melhor do que encarar a maior rota turística do país. A Estrada Real se estende nada menos que 1.630km, cobrindo 163 municípios de Minas Gerais, 8 do Rio de Janeiro e 8 de São Paulo. Ela surgiu no século 17, quando ouro e diamantes eram transportados de Minas aos portos do Rio.

São várias opções de caminhos (Velho/Novo/Diamantes/Sarabuçu), podendo passar por destinos imperdíveis como Paraty, Ouro Preto, São João del Rei, Petrópolis, Juiz de Fora e Diamantina. De bônus, as rotas ainda cruzam serras como a do Espinhaço e dos Órgãos.

 

Circuito das águas paulista

Nove municípios de São Paulo, conhecidos por suas cachoeiras, fontes, rios e tratamentos termais, compõem o chamado Circuito das Águas Paulista. São eles: Águas de Lindoia, Amparo, Jaguariúna, Holambra, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro.

As atrações em cada um são diversas: beber água direto da fonte, esportes de aventura, trilhas ecológicas, passeios de barcos no rio e lagos de minas naturais. Quando viajar de carro, siga sem pressa e com curiosidade de descobrir cada um deles.

 

Carrancas, São Thomé das Letras e Aiuruoca

Estas cidades atraem místicos, hippies, roots e curiosos em busca do que a natureza tem a oferecer. Renovar as energias em uma das muitas quedas d’água de Carrancas é de lei. A distância de Carrancas para São Thomé das Letras é pouco mais de 80 km no trajeto mais rápido. A pirâmide de pedra e o Vale das Borboletas são os principais atrativos de São Thomé. Aiuruoca está distante uns 70 km de São Thomé e a tranquilidade típica do sul de Minas impera na cidade. São muitas cachoeiras, poços, mirantes e trilhas. O lugar favorito dos visitantes é o Vale do Matutu.

 

Monte Verde, Gonçalves e Extrema

O roteiro ideal para quem curte um friozinho em qualquer época do ano. As cidades estão bem próximas da fronteira com São Paulo, em meio a Serra da Mantiqueira e costumam apresentar temperaturas amenas em relação aos demais municípios do estado. Monte Verde, distrito de Camanducaia, é um dos locais mais românticos e charmosos de Minas Gerais. A pequena vila de montanhas verdes cercada por pinheiros ê conhecida também como a Suíça Mineira, já que a região possui a natureza privilegiada e baixas temperaturas durante todo o ano.

A cerca de 80 km de Monte Verde está Gonçalves, uma cidade que ainda carrega um ar bem interiorano, mas com uma pegada descolada e moderninha. Refúgio perfeito para quem quer fugir da correria, se embrenhar pelas estradas de terra e sentir o cheiro do mato, sem perder o charme e o conforto da cidade! A pouco mais de 70 km está Extrema, cidade que se destaca nos segmentos de ecoturismo, turismo rural, religioso e de aventura. Possui cinco rotas turísticas principais: Rosas, Sol, Ventos, Águas e Pedras.

 

Capitólio, São Roque de Minas e Araxá

Com seus cânions e cachoeiras, Capitólio tem ganhado mais fãs a cada dia. Navegar pelo Lago de Furnas, por entre os paredões rochosos, é uma experiência maravilhosa. São muitas opções para quem gosta de ecoturismo e de contemplar as belezas da natureza.

Apenas 100 km separam Capitólio de São Roque de Minas. Por isso, ao seguir viagem não se esqueça de visitar uma das fazendas produtoras do famoso e delicioso queijo canastra. Outra atração é o Parque Nacional, que guarda a nascente do rio São Francisco e a cachoeira Casca D´anta. Para fechar o roteiro, a dica é seguir viagem por mais uns 115 km até Araxá. A cidade nasceu encravada em um vulcão extinto e hoje atrai visitantes por causa das águas termais com propriedades terapêuticas.

*Gisele Barcelos é uma jornalista viajante, que adora pesquisar e montar roteiros para aventuras pelo Brasil e exterior. Além de escrever sobre política no Jornal da Manhã, é autora do blog Checklist Mundo, onde compartilha suas andanças e experiências pelo mundo afora.

 

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia