JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 04 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Articulistas

Outros Articulistas

Ana María B.

Tradicional Pacote a Machu Picchu traz destinos tradicionais e ricos em cultura

Cada dia mais procurados estes destinos no Peru, Machu Picchu, o Vale Sagrado, Salinas de Maras, Moray, Lago Titicaca e o Vale do Colca, lugares e fenômenos exóticos como as Linhas de Nazca, Paracas e a capital Lima.

Não se pode perder  uma oportunidade de uma viagem aos  destinos exóticos do Peru, como  Machu Picchu, o Vale Sagrado .. sem falar nas Linhas de Nazca e demais? Pois estes são lugares dignos de um tour especial. Reservar uma época do ano para conhecer não está nada mal e para fazer uma viagem legal, sozinho ou com amigos, pode-se planejar com antecedência através da agencia de viagens Peru Grand Travel evitando contratempos e surpresas de última hora.  Não deixe de incluir  os emblemáticos lugares por  onde passaram os Incas, visitando os principais pontos turísticos na região dos Andes, como a cidade de Cusco “O Berço da Civilização Inca”. E terminando numa das Maravilhas do Mundo Moderno: Machu Picchu.

O Vale Sagrado dos Incas, nos Andes peruanos, é formado por numerosos rios que descem por pequenos vales; possui numerosos monumentos arqueológicos e povoados indígenas. O principal rio é o Urubamba. Ele foi muito apreciado pelos Incas devido a suas especiais qualidades geográficas e climáticas.

Passando pelas Salinas de Maras e os degraus de Moray você pode apreciar as salinas que são canteras de sal que datam da época inca e que transformaram a fisionomia da paisagem local, dando um lindo toque para tirar fotos. Depois vem a visita a Moray e seus impressionantes degraus circulares. Estes foram usados pela civilização incaica como um centro agrícola experimental, pois lá podiam ser reproduzidos diferentes microclimas, muito apropriados para a arquitetura 

Mas a estrela da viagem sempre serão as ruínas de Machu Picchu, cidade inca rodeada de templos, degraus e canais de água, são Patrimônio da Humanidade. Ela foi construída no topo de uma montanha, edificada com grandes blocos de pedras unidas entre si, sem usar amálgama. Foi reconhecida como importante centro político, religioso e administrativo da época incaica. Machu Picchu significa “montanha velha”, é a cidadezinha mais famosa do mundo. Fica a 110 km ao nordeste de Cusco, na província de Urubamba.  Construída no século XV, possivelmente a pedido do inca Pachacuteq, Machu Picchu está dividida em dois grandes setores: o agrícola que compreende uma vasta rede de degraus ou terraços artificiais, e o urbano, formado por diversas construções e praças entre as quais se destacam o Templo do Sol, Templo das Três Janelas, o Templo Principal e o Templo do Condor. 

O Vale do Colca, cânion formado pelo rio Colca, no sul do Peru, a cerca de 160 quilômetros a noroeste da cidade de Arequipa. É o terceiro destino turístico mais visitado do país, com cerca de 120 mil visitantes por ano. Uma das mais atrações é a observação dos condores, condores dos andes, a maior ave voadora do mundo, que normalmente acontece no período matutino, por causa das correntes de ar quente. Lugar imperdível em seu tour peruano.

As linhas de Nazca - outro passeio imperdível. Ainda um mistério, mas já se sabe que não foram os ETs os responsáveis por elas. Patrimônio mundial da UNESCO desde 1994, foram descobertas em 1927, quando o piloto Toribio Xespe as avistou ao sobrevoar a região. São mais de 13 mil traços que formam 800 figuras, algumas delas se estendem por mais de 65 quilômetros. 

Até hoje não se sabe qual é a origem ou o propósito das linhas. Com o tempo, foram criadas várias teorias envolvendo religião, cultura e até alienígenas. 

Dizem que as linhas têm uma ligação com a astrologia, correspondendo diretamente com constelações visíveis durante épocas específicas do ano.

Outros pontos para visitar, não duvide em  se programar https://www.machupicchupacotes.com/, são Paracas, Lima, a capital do país,  e o Lago Titicaca - o mais alto do mundo, onde se pode navegar em suas clamas águas.  Paracas, por exemplo, lugar  ideal para quem busca o contato com a natureza. Uma região desértica e costeira onde fica a lindíssima Reserva Nacional de Paracas, com animais selvagens, um verdadeiro paraíso com paisagens deslumbrantes. O principal passeio é pelas Ilhas Ballestras, na Reserva, onde pinguins e leões marinhos nos dão as boas-vindas.

Para terminar o passeio nada melhor que a capital Lima, a maior cidade do Peru. O turismo em Lima é cada vez maior. Metrópole  da América do Sul, Lima tem o Museu Ouro: lugar  particular, com vários trabalhos em ouro. O museu tem muitas peças de culturas pré-incas, mas muitas são réplicas. Destaques: Bairro de Miraflores, com o Parque Kennedy, o Shopping Larcomar e lugares para andar de bicicleta. O bairro de Barranco é boêmio e conhecido pela grande quantidade de barzinhos da moda e costuma ser frequentado por artistas e pela galera mais alternativa. O centro de Lima – com a Catedral de Lima, a Igreja de San Francisco com catacumbas com restos mortais de mais de 25 mil pessoas, a Praça San Martin e muitos outros lugares interessantes que existem na região. Evite ir de noite, já que se torna um pouco mais perigoso. Também está o Circuito Mágico del Agua.  Uma das maiores atrações turísticas de Lima e que se tornou um símbolo da recuperação dos espaços públicos da cidade, desde a sua inauguração em 2007. O Museu do Chocolate também vale a pena.  O Peru se caracteriza por ser um destino gastronômico e para experimentar a comida peruana você não terá que percorrer todo o território. 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ. O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.
DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia