JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 16 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Articulistas.

Outros Articulistas

Percepção do cotidiano: despedidas

Aqui ou acolá, em diferentes extremos da Terra, o final de ano nos remete às lembranças que nos fazem analisar fatos e indivíduos que passam por nossas vidas! Em Uberaba/MG, verão chuvoso, a natureza soa de forma vibrante e colorida. Na Noruega, por exemplo, 8º C negativos, dias curtos ao vai e vem da neve, época de se viver a escuridão sem o sol.

No rola e rala do convívio humano, identifica-se o valor do relacionamento humano. Onde há maior proximidade humana? Com certeza, no calor dos corações! Não importam diferenças climáticas, comportamentais e culturais, prevalece o sentimento da necessidade de estar junto a alguém. E dentro do dinamismo inevitável da vida, alguns portadores de relacionamentos fracassados ou que perderam presenças enriquecedoras, transitam pelas vidas de outros felizes e esperançosos, a dançarem o ritmo da compensação mútua.

Em tempo de Covid-19, Uberaba convive com radicais mudanças na Administração Pública, despedidas de pessoas valorosas que partem para novas experiências ao partilharem outros caminhos. Também, saúda os novos síndicos desta cidade-condomínio que se propõem à renovação da vida coletiva, a fazerem o melhor em benefício de seus cidadãos.

Obrigada aos que se vão, boas-vindas aos que chegam alimentando esperanças, propiciando novas percepções e incentivos ao nosso viver. Obrigada, prefeito Paulo Piau pelo muito que conquistamos! Seja bem-vinda prefeita Elisa Araújo, a casa é sua!

No findar deste ciclo anual, sentimo-nos saudosos da emoção, criadora de felicidade, que alguém nos presenteou ou agradecidos pela superação de más águas que não turvaram caminhos, mas os fizeram arena para iluminação interior. Que a saudade não nos traga recordação de fragilidades e sim de alegrias que nos aqueçam ausências!

Fim de 2020, fim de um tempo, vida nova! Que haja ressurreição de pensamentos saudáveis, sentimentos nobres e atitudes edificantes para o bem comum!

 

Vania Fonseca

Bióloga e pedagoga

fonseca.vm2020@gmail.com

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ. O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.
DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia