JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 16 de maio de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Articulistas.

Outros Articulistas

Percepção do cotidiano: carta para alguém infeliz

A intuição me toca para lhe escrever como tentativa de que você faça uma reflexão sobre sua vida e fique bem! É simples, basta você querer a mudança de seu olhar, não a do mundo!

Saia da roda de insatisfação, vença o inimigo que habita as entranhas de sua alma! A ausência de um ser querido, a falta de dinheiro para o custeio das necessárias despesas, ou o desfrute do emprego de seu desejo, podem ser causas de mal-estar, porém, não se deixe incomodar e acomodar ao ponto de lhe tirarem o desejo de viver! Talvez, sejam falsas ilusões ou reais causas de sofrimento, todavia estão lhe impedindo de olhar para si mesmo e focar na devida mudança que pode lhe trazer crescimento e bem-estar. Mais vale a vida!

Encare a você mesmo! Seja humilde e sincero para avaliar as suas mazelas e se pergunte: o que a vida quer de mim?!

O que lhe tem aborrecido? Você é inteligente, sabe que enquanto brigar com o mundo não será feliz! A vida rima com alegria, bondade, caridade, perdão, enfim, com sabedoria e amor!

Por que você precisa de artifícios para ficar bem? Se errar, é probabilidade da imperfeição humana! Se colher maldade, plante bonança! Se colher solidão, plante caridade ao seu redor!

Está cansado de sofrer? Não perca tempo com mau humor, fracasso de passado, ilusão para futuro. Desça o monte das lamentações, disponha-se a cultivar saúde, alegria, e será um novo homem. Lave-se da sujeira das incertezas. Não se canse com o passo de amanhã. Escolha ser feliz agora! Você pode!

 

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do JORNAL DA MANHÃ. O conteúdo é de responsabilidade exclusiva do autor.
DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia