JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 19 de setembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Comerciante reage a assalto e mata menor infrator; o comparsa foi preso

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

11/06/2021 - 06:45:32. - Por Carlos Paiva Última atualização: 11/06/2021 - 08:17:46.

Comerciante mata menor infrator durante assalto
Adolescente de 17 anos é morto durante assalto a loja de tabacaria, avenida Prudente de Morais, bairro Abadia, por volta das 19h30. Ele foi morto com um tiro disparado pelo dono da tabacaria. Um segundo assaltante, também de 17 anos, foi detido por populares e entregue à Polícia Militar. O autor do disparo, comerciante de 43 anos, relatou que, momentos antes do assalto havia visualizado os suspeitos nas imediações de sua loja. Contudo, apesar de achar a situação estranha, seguiu normalmente com sua rotina e continuou cadastrando produtos, momento em que os dois assaltantes entraram na loja, sendo um de blusa de moletom e o outro roupa de empresa cor cinza.

O homem de moletom preto era quem estava armado e ordenou que o comparsa abaixasse as portas do estabelecimento e posteriormente ordenou que comerciante e seu funcionário se deitassem de barriga no chão e passassem seus bens. Foram recolhidos: celulares, carteiras, aliança de ouro e corrente de ouro. O assaltante de moletom preto colocou os objetos roubados no bolso e a todo momento fazia ameaças de morte.

Na sequência, ainda o autor de moletom preto, puxou o cão do revólver que empunhava e mandou que as vítimas adentrassem em um quartinho existente nos fundos do comércio. Temendo pela sua vida e de seu funcionário, o comerciante relata que tentou desvencilhar do autor armado (moletom preto), momento em que o assaltante disparou um tiro, felizmente não acertando ninguém.

 

Em seguida, o comerciante conseguiu apanhar sua arma de fogo e revidou. Ele efetuou disparos em direção aos autores, sendo que o autor de moletom preto e que estava armado de revólver, caiu desacordado no local e o segundo autor saiu em desabalada carreira sentido à rua Padre Albino Cela. O comerciante ainda deixou sua arma de fogo para o funcionário, pois caso o assaltante desacordado voltasse a dar tiros era para ele reagir.

O comerciante saiu correndo atrás do segundo assaltante. O segundo autor foi detido por populares e chegou a ser muito agredido. Com a chegada da Polícia Militar, as agressões cessaram e os agressores dispersaram. Foi necessário encaminhar o segundo assaltante para o pronto socorro do Hospital de Clínicas da UFTM devido à gravidade dos ferimentos relacionados às agressões de populares. No fechamento desta coluna ele estava em observação e sob escolta policial.

A arma de fogo do comerciante é legalizada e está em dia com a documentação. O perito criminal encontrou, no bolso do assaltante morto (de moletom preto) a aliança e a corrente de ouro do comerciante. O comerciante foi apresentado ao delegado na Delegacia de Plantão da Polícia Civil.

Shopping pode voltar a ficar sem energia elétrica
Dois eletricistas da Cemig, de 38 e 33 anos, compareceram no Praça Uberaba Shopping, avenida Coronel Emerenciano Ferreira Junqueira, Vila Olímpica, por volta das 14h30 desta quinta-feira (10), para efetuar o corte da energia elétrica, mas foram impedidos de acessarem subestação. Os eletricistas da Cemig acionaram a Polícia Militar.

Eles contaram que receberam determinação para efetuar o corte da energia, conforme ordem de serviço nº183413740, mas foram impedidos de acessarem a subestação de energia do shopping para realizarem o trabalho. Além da ordem de serviço, apresentaram também dois débitos, sendo o primeiro com vencimento no dia 27 de abril passado no valor de R$ 98.854,30 e o segundo, com vencimento em 27 de maio último, no valor de R$92.192,09.

Os eletricistas explicaram também que o corte da energia elétrica não pode ser feito no poste de iluminação, pois existem cinco empresas no interior do shopping que se encontram em dia com os pagamentos, sendo necessário então o corte através da subestação de energia do shopping.

Já o administrador do Praça Uberaba Shopping, 53 anos, relatou aos policiais militares que, “encontra-se em andamento o processo cível 5006070-10.2021.8.13.0701, o qual permite acesso irrestrito dos funcionários da empresa de energia Cemig à subestação de energia do shopping, no entanto tal processo ainda não fora transitado julgado”. Os funcionários da Cemig foram embora sem efetuar o corte da energia elétrica.

Já na noite de ontem, no fechamento desta coluna, circulava informações nas redes sociais dando conta de que o corte de energia elétrica no Praça Uberaba Shopping finalmente foi realizado, mas não tive como comprovar tal informação.

Vantagens e facilidades que cegam
Nem tudo que reluz é ouro. Que o diga um soldador de 47 anos que arrematou um carro em um falso leilão. Essa modalidade de golpe tem se tornado cada vez mais comum. E não consigo entender o porquê, afinal cadê o ver para crer (de São Tomé). Não se compra veículos sem ver. Os golpistas usam argumentos infalíveis: vantagens e facilidades que nem no mundo dos sonhos existem. A ilusão do lucro fácil cega. As vítimas consultam tabelas e até garageiros e mesmo percebendo a diferença no valor do veículo, caem no golpe. É a vontade alucinada de levar vantagens. O soldador achou a empresa de leilões (Factor Leilões) na internet e se interessou por um GM Meriva pelo valor de R$6.680,00. Depois de receber a informação que seu lance foi o vencedor, fez uma transferência bancária de R$7.974,00 referentes ao lance do veículo, despesas com frete, taxas e comissões. O soldador está aguardando o carro ser entregue na porta da casa dele, o que até ontem (10) não havia acontecido e acredite: não vai acontecer. A Polícia Civil não tem muito o que fazer. A instauração de inquérito policial é perda de tempo. Os golpistas estão bem longe de Uberaba e o crime prescreve rápido. E, mesmo que sejam identificados e presos, o que é quase impossível, recuperar o dinheiro jamais. Portanto, cuidado com as vantagens e facilidade e lembre-se: o barato pode custar caro.

Grilo solicita apoio da PM para reforçar fiscalização
O deputado estadual Delegado Heli Grilo (PSL) esteve em contato com o Comandante-Geral da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), Coronel Rodrigo Sousa Rodrigues, solicitando reforço no apoio às fiscalizações de cumprimento do Decreto Municipal de Enfrentamento e Combate à Covid-19 em Uberaba. O objetivo foi articular reunião com a presença de todos os órgãos locais envolvidos nessas ações para encontrar uma solução em conjunto para ampliar o enfrentamento às aglomerações.

Arrombamento e furto na delegacia
Na segunda-feira (7) foi registrado o arrombamento e furto na Delegacia de Polícia Civil em Delta. No mesmo dia, policiais civis prenderam um homem de 19 anos e apreenderam uma adolescente de 17. Naquele momento os dois eram os principais suspeitos. Na casa deles os agentes encontraram drogas. Já ontem o escrivão responsável pela delegacia concluiu o inventário dos objetos furtados: sete aparelhos celulares de marcas e modelos diversos, uma mira holográfica da marca CBC, mira holográfica marca Tasco, microcomputador e cinco pendrives. Os materiais furtados estão apreendidos em inquéritos policiais, exceto os pendrives.

Dia dos Namorados
O Dia dos Namorados é no próximo sábado. E nada melhor que uma cesta de café da manhã das Panificadoras SaboReal. O seu amor vai saborear cada delícia ao seu lado. É um presente delicioso e romântico. Não tem quem não goste, pode acreditar. Mas atenção: a quantidade de cestas é limitada e você pode fazer seu pedido até as 11h de hoje (sexta-feira,11). Panificadoras SaboReal, avenida da Saudade, 1411, e avenida Leopoldino de Oliveira, 2.541. Telefones 3332-1618 e 3333-1700.

Troca de nudes
Dona de casa de 32 anos procurou a Delegacia de Polícia Civil Especializada em Orientação e Proteção à Família para relatar que seu filho (criança) estava em um jogo online chamado “free fire” conversando com uma pessoa denominada de "Galega". A dona de casa percebeu que o menor e a jogadora estavam trocando nudes. Fica o alerta!

Assalto no bairro de Lourdes
Técnica de enfermagem de 29 anos foi assaltada por um homem que estava armado de faca e em uma bicicleta, rua das Hortênsias, bairro Lourdes, às 7h20 desta quinta-feira (10). Ela foi abordada e o assaltante disse: “Passa tudo, passa tudo". A vítima estava com uma necessaire bege, com corujas desenhadas, e jogou-a ao chão, momento em que o autor disse: "Vai, sai andando, para de me olhar". Foram roubados: a necessaire, carteira de registro no Coren e carimbo profissional de enfermagem, um cartão de transporte público, um crachá do Hospital Beneficência Portuguesa, cartões bancários, carregador de celular, fone de ouvido, dois kits de perfume da Natura e uma calça jeans. Ela explicou que não registrou o crime de imediato, pois ficou muito assustada e atordoada com a situação. O registro foi feito às 19h desta mesma quinta-feira (10).

O barato que saiu caro
Homem de 37 anos perdeu R$15mil após acreditar que estaria comprando um carro R$7 mil abaixo da tabela Fipe. Ele procurou a Polícia Militar e contou que viu o anúncio de venda do carro VW Gol completo e de ano 2010 no Facebook (Enjoei e tô Vendendo) pelo valor de R$15 mil. A vítima disse que chamou sua atenção a diferença de R$7 mil e por isso fechou o negócio. No meio da negociação tinha um terceiro e foi este terceiro que recebeu os R$15 mil. A vítima só descobriu que se tratava de um golpe quando encontrou a legítima dona do carro. Ela achou que estava vendendo o carro por R$23.500,00 e como não recebeu um único centavo não entregou o carro e muito menos assinou o recibo.

Constrangimento ilegal
Uma simples troca de sapatos acabou virando caso de polícia. Uma técnica de enfermagem de 34 anos procurou uma loja de calçados no Shopping Uberaba para fazer a troca de um par de sapatos que teria ficado pequeno. Ela afirma que chegou a usar o calçado por um dia no Hospital de Clínicas da UFTM, onde trabalha. Na loja o vendedor teria retirado o sapato da sacola e mostrado à gerente e a todos ali presentes dizendo que o “calçado estava usado, surrado e com marcas de uso e que dessa forma não faria a troca”. A técnica em enfermagem garante que foi constrangida.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia