JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 06 de julho de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

SOBRE RODAS

Organizadores cancelam Salão de Nova York

A feira já tinha sido adiada de abril para agosto, mas a evolução da pandemia obrigou os organizadores cancelarem definitivamente o evento

23/05/2020 - 18:59:27. Última atualização: 23/05/2020 - 19:00:37.


O Salão de Nova York deixou de ser este ano uma feira de apresentação de veículos para se tornar um hospital de campanha contra o coronavírus

Os organizadores do Salão de Nova York cancelaram a realização da feira por conta do coronavírus. O evento, que originalmente aconteceria entre os dias 10 e 19 de abril, já havia sido adiado para o período de 28 de agosto a 6 de setembro.

No entanto, a evolução da pandemia e a transformação do centro de exposições Jacob K. Kavits em hospital de campanha fizeram com que a edição deste ano fosse definitivamente cancelada. Com isso, dois dos principais eventos do país não acontecerão este ano, já que o Salão de Detroit também foi cancelado.

Em março, apenas um mês antes do Salão de Nova York, o Javits Center recebeu quatro unidades hospitalares, cada uma com 250 leitos, feitas pela FEMA (agência do governo para emergências), além de uma quinta unidade com mais 1.000 leitos.

O estado de Nova York foi um dos estados mais atingidos pelo Covid-19 nos Estados Unidos e ainda lida com um lockdown - só começou a abrir a partir do dia 16.

O hospital de campanha no Javits Center já não está mais funcionando, mas o governo ainda não desmontou a estrutura, o que só irá acontecer quando as autoridades acharem prudente um trabalho deste tipo.

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia