JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 21 de agosto de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

SOBRE RODAS

Dicas para organizar o porta-malas do seu carro

Faça tudo com tempo e organização e deixe em casa o que achar desnecessário

13/07/2019 - 00:00:00. Última atualização: 13/07/2019 - 17:08:51.

Foto/reprodução


Não é uma boa ideia deixar malas e bolsas soltas nos bancos do carro. Para uma viagem segura e tranquila é importante tirar um tempinho para organizar como vai distribuir as bagagens no porta-malas do carro. Crianças misturadas no meio das malas, nem pensar.

As aulas do primeiro semestre já acabaram. As férias de julho estão aí. É hora de viajar. Depois de tudo conferido: documentação do carro, checagem dos pneus, suspensão, freios, macaco no porta-malas, triângulo, borrachas do para-brisa, etc., chegou a hora de colocar as malas dentro do carro. Viajar é um momento de lazer, e para curtir o passeio com segurança antes de tudo é preciso saber como organizar o porta-malas do carro.

PLANEJAMENTO É TUDO
Inicialmente é preciso saber quantos dias vai durar o passeio. Depois, quantas pessoas irão viajar. Muitos motoristas não ligam e nem prestam a atenção em como disponibilizar a bagagem no porta-malas e vão despejando os objetos de qualquer jeito A primeira atitude de quem quer viajar com segurança é fazer uma lista daquilo que vai precisar levar na viagem. Assim terá noção de tudo que será transportado e saberá onde colocar cada coisa em seu lugar. Fazer esta lista antecipadamente e com calma é um bom conselho. Faça tudo com tempo e organização e deixe em casa o que achar desnecessário, qualquer quilo a mais pode influenciar no consumo de combustível.

ORGANIZAÇÃO E EQUILÍBRIO

Uma boa ideia é separar a bagagem por categoria, isso facilita bastante. Por exemplo, disponibilize um bagageiro para roupas, agasalhos, cobertores, produtos de praia, alimentos etc. Evite as malas grandes. Elas são complicadas e difíceis de encaixar. Use malas de tamanhos variados, aproveitando todo o espaço do porta-malas. Coloque volumes mais pesados no fundo; as malas maiores e aquelas rígidas ficam embaixo. Por cima delas, a bagagem mais flexível e os objetos frágeis. Procure equilibrar o peso da bagagem, dividindo as malas por todos os lados do carro. Além de facilitar a condução, também evita o desgaste de peças da suspensão. Mochilas normalmente têm menor peso e devem ficar por cima das malas.

PESO DA BAGAGEM

É preciso também ter atenção ao peso das bagagens. Todos os veículos possuem no seu manual a indicação de carga máxima que ele pode transportar. Quando o veículo está mais pesado, ele tende a mudar o seu comportamento, fazendo com que o tempo de resposta seja mais lento. O potencial de aceleração, a frenagem e o contorno nas curvas diminui drasticamente, enquanto que a carroceria tende a inclinar um pouco.
Ultrapassar esse limite representa um risco para os ocupantes, além de promover um desgaste prematuro em alguns sistemas, principalmente no sistema de freios e na suspensão.

CUIDADO COM O VIDRO TRASEIRO

Obstruir a visão do vidro traseiro abarrotando o tampão do porta-malas impede o motorista de enxergar a parte detrás do veículo. É importante saber que o artigo 105 do Código de Trânsito Brasileiro diz que: “obstruir a visão do retrovisor interno de veículos de passeio é uma infração grave sujeito à multa”. Então organize bem suas malas para aproveitar ao máximo o espaço do seu carro. Outra coisa: dentro do carro nenhum objeto pode viajar solto. Isso vale para as coisas que ficam no painel, nos bancos, nos portas-treco e principalmente em cima da tampa traseira, nos carros do tipo perua e naqueles em que se tem acesso ao porta-malas pelo interior do veículo. Isso é fundamental, porque, em caso de acidente, um objeto solto pode ser uma armadilha.

OUTROS CUIDADOS IMPORTANTES

No caso de brinquedos para as crianças, leve somente aqueles que cabem nos compartimentos internos do carro. Cuidado com latas de refrigerante e garrafas de água. Se não estiverem bem encaixadas podem escapar e rolar para os pedais do motorista, o que pode ocasionar um acidente. Levar bagagem dentro do veículo fora do porta-malas não é recomendável: em caso de acidente a bagagem pode se projetar sobre os ocupantes. Estudos mostram que em uma batida a 60 km/h os objetos soltos pelo interior do automóvel podem ser arremessados com uma força equivalente a 55 vezes o seu peso original. Ou seja, um laptop de 3 kg poderia acertar a cabeça de um ocupante com um golpe equivalente a 165 kg.

Como utilizar o bagageiro externo


Os bagageiros de teto são ideais para acomodar com segurança malas, brinquedos, compras, etc. O tamanho varia de acordo com o tipo indicado para cada modelo de carro, mas geralmente tem capacidade de até 310 litros, ou seja, 40 kg de carga. A principal vantagem dos bagageiros é liberar mais espaço no interior do veículo e no porta-malas, carregando a bagagem em um compartimento seguro contra furtos e danos, evitando inclusive acidentes causados por cargas que se soltam dos racks comuns e acabam caindo na pista. E o melhor: os bagageiros de teto (e outros modelos de rack) são facilmente colocados e tirados. Como o bagageiro de teto gera uma interferência aerodinâmica, o carro pode ter sua dirigibilidade alterada, e também aumentar um pouco o consumo de combustível. Numa curva, o carro vai ter um comportamento diferenciado, pois ele tende a girar sobre o eixo longitudinal. Por isso, os motoristas que levam esse bagageiro devem ter muita cautela.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia