JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 20 de outubro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Setembro Verde: Número de doadores aumentou 20% na cidade, porém, caiu 13% no país

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

20/09/2021 - 00:00:00. - Por Rafaella Massa

Um mês muito colorido, além do amarelo, que luta contra o suicídio, setembro também é verde. O Setembro Verde celebra, junto ao dia 27, o Dia Nacional da Doação de Órgãos, como um incentivo à ação. No Brasil, o cenário da doação de órgãos não é bom. Segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), a taxa de doadores efetivos desceu 13% e a efetivação de doações caiu em 24,9%.

No entanto, superando a expectativa, Uberaba teve um saldo positivo no último ano. Segundo o médico Ilídio Antunes, coordenador da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIH-DOTT), em 2020 houve um aumento de 16% em relação ao ano de 2019.

“Nesse ano de 2021, de primeiro de janeiro até 31 de agosto, nós tivemos em torno de 20% a mais no número de doadores, sendo que duas doações não foram efetivadas por causa do problema de logística do Covid-19, mas seriam constatados em torno de 20% de doações”, relata Ilídio.  

Com tudo, é preciso ter em mente que o HC é o único hospital em Uberaba que faz a captação de órgãos. Portanto, a quantidade recebida pelo Hospital de Clínicas é a que mantém a cidade.

Em relação a campanha, o sentimento de empatia e amor ao próximo é crucial na conscientização sobre a doação. “Eu defendo a tese que se o cidadão refletir que um dia ele pode precisar de um órgão para ter sua vida salva, ele vai ser um doador de órgãos. A vida é para doar e para receber”, afirma o coordenador.

E, para doar órgãos é bastante simples, basta avisar a família de antemão. “Segundo a legislação brasileira atual, a doação de órgãos só é permitida, você só pode captar quando ele é doado e a família que faz a doação. Então, é importante avisar à sua família em vida que você é doador. Por isso, nenhum documento tem validade, documento registrado em cartório, carteira de motorista, título de eleitor, nada disso tem validade”, explica Ilídio.

No próximo dia 27, o Hospital de Clínicas realizará uma tradicional comemoração em nome dos doadores de órgãos que já passaram pelo hospital. O evento contará com a presença do Secretário Municipal de Saúde, Sétimo Bóscolo, e a equipe do hospital está recebendo os pacientes e usuários do HC.   


Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia