JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 23 de setembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Entenda como o álcool afeta na dieta Low Carb

05/08/2020 - 00:00:00.


A dieta low carb visa que o seguidor consuma carboidratos com moderação, contudo, as bebidas alcoólicas também precisam entrar na rotina com bastante cautela.

Segundo a endocrinologista Bruna Marisa, especialista em emagrecimento, o álcool em si não se transforma em gordura, mas o corpo, para metabolizá-lo, para de "queimar" os demais nutrientes consumidos.

A dica é que o consumo aconteça esporadicamente, sobretudo pelos adeptos de uma alimentação com baixo teor de carboidratos. Do contrário, os resultados esperados para silhueta, quando não ficarem mais lentos, deixarão de ser percebidos.

Confira informações sobre os principais grupos de bebidas alcoólicas:

Cerveja

Chamada por muitos de "pão líquido", não se encaixa de forma alguma na dieta low carb, já que é riquíssima em carboidratos. Qualquer um dos estilos, inclusive a puro malte, feita com o cereal germinado, prejudica a perda ou a manutenção do peso.

Vinho

Os secos, que apresentam no máximo 4 gramas de carboidrato por litro, são os mais pobres no nutriente e, portanto, ideais para quem gosta. Os meio secos podem conter até 25 gramas de açúcar por litro de bebida, e os suaves, mais de 25 gramas para a mesma quantidade.

Espumante

Os classificados como brut são os com menor teor de carboidratos, sendo, assim, os menos "danosos" para a estratégia low carb.

Destilados

Vodca, uísque, gin, tequila e cachaça, por exemplo, têm praticamente zero carbo, sendo boas alternativas para a escapa do fim de semana. Vale redobrar a atenção a ingredientes que possam ser misturados nos drinks, como frutas muito doces ou mesmo açúcar.

*Com informações Hoje Em Dia


Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia